Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Quem é o melhor candidato presidencial?
Ana Gomes
André Ventura
João Ferreira
Marcelo Rebelo de Sousa
Marisa Matias
Tiago Mayan Gonçalves
Edição Nº 237 Director: Mário Lopes Segunda, 30 de Novembro de 2020
Obra cofinanciada pelo Fundo Ambiental
Câmara de Azambuja inicia obras de adaptação do Ribeiro de Aveiras às alterações climáticas
Já tiveram início os trabalhos de limpeza do Ribeiro de Aveiras. A intervenção é da responsabilidade do Município de Azambuja, sendo cofinanciada pelo Fundo Ambiental, e está enquadrada no projeto “Valorização e Adaptação do Ribeiro de Aveiras às Alterações Climáticas”. A área intervencionada atravessa os terrenos dos antigos viveiros do ICNF, em Aveiras de Baixo, onde a autarquia visa criar o futuro Parque Ambiental de Azambuja.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Percurso em canoa Ligou Caneiras e Valada
Santarém associa-se a proTEJO no Dia Mundial da Migração dos Peixes
Para assinalar o “Dia Mundial da Migração dos Peixes”, que se celebra hoje, o proTEJO organiza várias iniciativas entre Santarém e Cartaxo, com a parceria das edilidades e de associações locais. O Município de Santarém e a União de Freguesias da Cidade de Santarém associam-se ao Movimento, apoiando a realização das atividades que irão decorrer na Associação Amigos das Caneiras, bem como o percurso em canoa até Valada, que será dinamizado pelo Clube de Canoagem Scalabitano e acompanhado pelos Bombeiros Sapadores de Santarém.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Contestando decisões do Ministério do Ambiente
JSD Batalha exige ao Governo a revogação das autorizações de pedreiras do Reguengo do Fetal
A Comissão Política da JSD Batalha emitiu um comunicado, no dia 23 de outubro, sobre a autorização de uma nova pedreira na freguesia do Reguengo do Fétal. A JSD Batalha não acredita que o ministro do Ambiente seja realmente amigo do Ambiente e considera que “as últimas decisões do Ministério do Ambiente relativamente às pedreiras no concelho da Batalha, parecem confusas e contraditórias, talvez sob a influência de interesses económico-partidários, sendo incomportáveis e altamente gravosas para o futuro ambiental do nosso território”, levando a estrutura social-democrata a acreditar que a defesa do ambiente fica para segundo plano para o atual governo socialista.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Câmara Municipal distribuiu por todo o concelho 200 armadilhas
104 ninhos de vespa asiática foram destruídos este ano só no concelho da Marinha Grande
A Câmara Municipal da Marinha Grande informou que, desde o início do ano 2020 até meados de outubro, foram destruídos 104 ninhos de vespa asiática ou velutina, no concelho da Marinha Grande. Preventivamente, a Câmara Municipal da Marinha Grande também distribuiu por todo o concelho 200 armadilhas, com especial incidência nos locais envolventes onde anteriormente tinham sido detetados ninhos de vespa asiática, tendo resultado na captura de 4531 vespas.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Empresa municipal refresca a sustentabilidade com o lançamento da águaAS
Águas de Santarém fomenta consumo de água da torneira com lançamento de marca própria
A empresa A.S. - Empresa das Águas de Santarém - EM, S.A., entidade gestora da água e saneamento no Concelho de Santarém, anunciou, no dia 16 de outubro, a nova marca amiga do ambiente: a “águAS, Natural de Santarém”. A sustentabilidade é palavra-chave por detrás desta novidade, pretendendo que a água do município chegue a todos, de todas as formas. O lançamento contempla uma nova garrafa reutilizável, um rótulo e um posicionamento de marca semelhante a qualquer outra insígnia de água.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Passados três anos do incêndio
Deputados do PSD do distrito indagam Governo pelas medidas adotadas para o Pinhal de Leiria
Esta quinta-feira, dia 15 de outubro, passados três anos do incêndio do Pinhal de Leiria os deputados do PSD do círculo de Leiria entregaram uma Pergunta ao Governo sobre o assunto. No dia 15 de outubro de 2017, o Pinhal de Leiria, uma das grandes heranças e património natural do nosso país, mandado plantar pelo rei D. Afonso III no século XIII e aumentado substancialmente pelo rei D. Dinis I, teve 86% da sua área completamente destruída num violento incêndio. A Mata Nacional de Leiria, também conhecida por Pinhal de Leiria e Pinhal do Rei, é propriedade do Estado e, para o PSD, é ao Estado que devem ser assacadas as responsabilidades por três anos de pouca ação no que ao Pinhal de Leiria diz respeito. A Mata Nacional de Leiria, também conhecida por Pinhal de Leiria e
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Água do Rio Alviela não abastece Lisboa há vários anos
Os Verdes questionam a transformação
do canal do Rio Alviela num Oleoduto
A deputada Mariana Silva, do Grupo Parlamentar Os Verdes, entregou na Assembleia da República uma pergunta, questionando o Governo através do Ministério do Ambiente e da Ação Climática, sobre um projeto de traçado para uma ligação, por conduta de transporte de Jet A1 (combustível destinado à aviação), entre o parque da Companhia Logística de Combustíveis, localizado em Aveiras de Cima, Azambuja, e o Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa. De recordar que a água do Rio Alviela não abastece Lisboa há vários anos.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Secretário de Estado da Conservação da Natureza, das Florestas e do Ordenamento do Território é convidado
Câmara da Marinha Grande convoca Governo
para reunião do Observatório do Pinhal do Rei
A presidente da Câmara Municipal da Marinha Grande, Cidália Ferreira, convocou uma reunião do Observatório do Pinhal do Rei, no dia 15 de outubro de 2020, pelas 15 horas, no Teatro Stephens, para debater a situação do Pinhal do Rei, volvidos 3 anos dos incêndios que devastaram 86% da sua área. O objetivo desta reunião é igualmente o balanço do trabalho realizado pelo ICNF nestes anos e a apresentação do plano de trabalhos a realizar para os próximos anos. Espera-se a presença do secretário de Estado da Conservação da Natureza, das Florestas e do Ordenamento do Território, João Catarino, do presidente do ICNF, Nuno Banza e da diretora regional do ICNF, Fátima Araújo Reis, lém de todos os membros permanentes do Observatório do Pinhal do Rei.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Alcobaça
GNR identifica autor de descarga ilegal
de resíduos suinícolas no Rio Baça
O Comando Territorial de Leiria da GNR, através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Caldas da Rainha, detetou esta terça-feira, dia 13 de outubro, uma descarga ilegal de um efluente pecuário proveniente de uma exploração suinícola para uma linha de água, afluente do Rio Baça, na localidade de Casal da Pequena, no concelho de Alcobaça. Após a denúncia de uma rejeição de efluentes pecuários para uma linha de água, os militares detetaram uma descarga diretamente para o curso de água através de um tubo ligado a uma lagoa de depuração.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Fora dos contentores
Município de Leiria, Acilis e Valorlis lançam campanha contra abandono de resíduos
O Município de Leiria, em colaboração com a ACILIS - Associação de Comércio, Indústria, Serviços e Turismo da Região de Leiria e a Valorlis -Valorização e Tratamento de Residuos Sólidos, S.A., vai realizar um conjunto de ações de sensibilização junto dos estabelecimentos comerciais do centro urbano de Leiria, com o objetivo de eliminar as situações de abandono de resíduos em locais inapropriados e contribuir para a melhoria ambiental da cidade.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Serviço irá monitorizar o ar das 7 freguesias do município
Município de Azambuja implementa rede
para monitorização da qualidade do ar
O Município de Azambuja procedeu à instalação de um serviço de monitorização da qualidade do ar, que irá percorrer todas as freguesias do concelho, ao longo de três anos. A referida monitorização prevê controlar e medir a qualidade do ar, através dos parâmetros Monóxido de Carbono (CO), Óxidos de Azoto (NOx), Ozono (O3) e partículas em suspensão (PM10). Em simultâneo, serão avaliados parâmetros meteorológicos como a temperatura, a pressão atmosférica, a humidade relativa, a precipitação, a direção e velocidade do vento e a radiação ultravioleta. A duração de cada monitorização é semestral.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Candidato do PCP às eleições para a Presidência da República realiza sessão pública na Marinha Grande
PCP fomenta visita de João Ferreira três anos após os grandes incêndios no Pinhal de Leiria
Assinalam-se, no dia 15 de Outubro, 3 anos dos grandes incêndios em várias áreas florestais do centro e norte do País. A Direção da Organização Regional de Leiria do PCP recorda que o ano de 2017 ficou gravado na História como um ano negro para a floresta nacional e para as populações da região centro do nosso País, desde logo para o Distrito de Leiria que, em Junho e Outubro, viu arder uma parte considerável das suas florestas. O PCP informa que o candidato à Presidência da República, João Ferreira, visitará este sábado, 17 de outubro, o Pinhal de Leiria e realizará na Marinha Grande, pelas 11h, no Auditório da Resinagem, uma sessão pública dedicada ao tema: “Defender os recursos naturais e as florestas nacionais
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Alcobaça
Percurso Pedestre da Mata Nacional do Vimeiro vai ser inaugurado esta sexta-feira
O Percurso Pedestre da Mata Nacional do Vimeiro vai ser inaugurado esta sexta-feira, dia 16 de outubro, pelas 10 horas, pelo presidente da Câmara Municipal de Alcobaça, Paulo Inácio. Uma obra pensada para famílias, escolas, grupos organizados e apreciadores da Natureza, que permite conhecer e desfrutar um dos maiores patrimónios naturais do concelho de Alcobaça. Antes de integrar o património do Estado, a Mata pertenceu ao Mosteiro de Alcobaça. Em 1835 (após a extinção das ordens em religiosas) foi incorporada na Administração Geral das Matas do Reino sendo atualmente gerida pelo Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Dia 17 de outubro, às 10h, início no Largo do Município
Movimento de Oposição ao Aterro de Azambuja promove caminhada pelo fecho do aterro
O Movimento de Oposição ao Aterro de Azambuja (MOAA) vai realizar uma caminhada pelo fecho do aterro, no próximo dia 17 de outubro, sábado, com encontro marcado pelas 10h00 no Largo do Município de Azambuja. O percurso terá cerca de 3,5 km com partida na Rua Trás da Igreja, passando por diversas ruas da Vila de Azambuja, terminando na entrada do aterro e tem como objetivo levar a conhecer o aterro de perto. A iniciativa é gratuita e não requer inscrição.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Junto à Praça de Toiros
Município de Azambuja cria posto gratuito
de carregamento de veículos elétricos
O Município de Azambuja já tem disponível um posto de carregamento de veículos elétrico, de utilização gratuita. O equipamento está instalado junto à Praça de Toiros e encontra-se em funcionamento todos os dias da semana, 24h por dia. Este investimento foi objeto de uma candidatura da empresa Mobi.E, S.A. ao POSEUR - Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso dos Recursos, do projeto P2Rede+MOBI.E (bii.), no âmbito da promoção de estratégias de baixo teor de carbono (Eixo Prioritário I).
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Câmara de Azambuja apresentou projeto de adaptação do Ribeiro de Aveiras às alterações climáticas
Azambuja vai ter o primeiro Laboratório de Rio funcional na zona sul do País
O Município de Azambuja promoveu uma sessão de apresentação do projeto “Valorização e Adaptação do Ribeiro de Aveiras às Alterações Climáticas no Concelho de Azambuja”. A sessão teve lugar no dia 6 de outubro de 2020, no espaço do futuro Parque Ambiental de Azambuja, nos antigos viveiros do ICNF, em Aveiras de Baixo. A sessão de apresentação contou com a presença do presidente e vice-presidente da Câmara Municipal de Azambuja, bem como de dirigentes e técnicos da ERIO – empresa responsável pelo projeto, e da Floponor – empresa executante da empreitada.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Cidália Ferreira foi recebida na Comissão Parlamentar da Agricultura
Presidente da Câmara da Marinha Grande depõe no Parlamento sobre ambiente no Rio Lis
A presidente da Câmara Municipal da Marinha Grande, Cidália Ferreira, fez parte, no dia 6 de outubro de 2020, da sessão da Comissão Parlamentar de Agricultura e Mar dedicada ao problema da poluição da bacia hidrográfica do Lis. Nas declarações prestadas, a presidente afirmou que “quem tem pago a fatura das descargas ilegais no Rio Lis tem sido a população que não só tem de aguentar com os maus cheiros que infestam as ruas e as habitações, como se vê também prejudicada, no caso da Praia da Vieira, na sua subsistência, muito assente na atividade turística.”
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Maior campanha ambiental de sempre para promover movimento coletivo
Grupo EGF lançam campanha ambiental
"O Futuro do Planeta não é Reciclável"
As concessionárias EGF, grupo líder no tratamento e valorização de resíduos em Portugal, lançaram, esta quarta-feira, a maior campanha de sensibilização ambiental alguma vez desenvolvida em Portugal com fundos europeus. Com um investimento de mais de um milhão de euros, o movimento O Futuro do Planeta não é Reciclável, https://vimeo.com/465685418 apela à prevenção, reutilização e reciclagem de resíduos urbanos. O filme publicitário conta com a realização de Rúben Alves, autor do aclamado filme “A Gaiola Dourada”.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Cinco locais do Centro de Portugal eleitos para a lista dos 100 Destinos Mundiais Sustentáveis de 2020
Torres Vedras e região Oeste distinguidos pelas suas práticas de sustentabilidade.
Cinco destinos do Centro de Portugal integram a lista dos 100 Destinos Mundiais Sustentáveis de 2020. Esta lista, já na sexta edição, é elaborada anualmente pela Green Destinations, uma fundação sem fins lucrativos que se foca no desenvolvimento e reconhecimento de destinos sustentáveis em todo o mundo. O objetivo é distinguir as melhores práticas de sustentabilidade em destinos que inspirem outros locais, operadores turísticos e turistas. Os cinco destinos do Centro de Portugal que integram a lista são: Águeda; Geopark Arouca; Serras do Socorro e Archeira; Torres Vedras; e região Oeste. De assinalar que foram eleitos 11 destinos em Portugal, pelo que quase metade são do Centro.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Executivo Municipal pode avançar com ação cautelar junto do Tribunal Administrativo
Batalha contesta licenciamentos de pedreiras pela DGEG que violam o PDM
A Assembleia Municipal da Batalha, na passada quarta-feira, dia 30 de setembro, aprovou por unanimidade, uma moção de protesto pelas decisões da direção-Geral de Energia e Geologia (DGEG), que decidiu autorizar uma licença de pesquisa da designada Pedreira “Selada”, em 28 de agosto de 2020, e conceder a licença de exploração da pedreira n.º 6837, determinada de “Casal do Gaio”, por despacho de 2 de setembro de 2020, ambas no lugar da Torre, freguesia de Reguengo do Fetal, concelho da Batalha.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Município conseguia verba de 170 mil euros do Fundo Ambiental
Azambuja apresenta o projeto de adaptação
do Ribeiro de Aveiras às alterações climáticas
O Município de Azambuja vai promover uma sessão de apresentação do projeto “Valorização e Adaptação do Ribeiro de Aveiras às Alterações Climáticas no Concelho de Azambuja”. Este projeto representará um investimento global de 200 mil euros, dos quais a Câmara Municipal conseguiu um financiamento de 170 mil, no âmbito da candidatura aprovada pelo Fundo Ambiental enquadrada no objetivo “Adaptar o território às alterações climáticas – concretizar o P3AC”. Este projeto representará um investimento global de 200 mil euros, dos quais a Câmara Municipal conseguiu um financiamento de 170 mil, no âmbito da candidatura aprovada pelo Fundo Ambiental enquadrada no objetivo “Adaptar o território às alterações climáticas – concretizar o P3AC”.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Gonçalo Lopes interveio na apresentação da Estratégia Nacional para Efluentes Agropecuários e Agroindustriais
Câmara de Leiria pede solução definitiva
para tratamento de efluentes agropecuários
O presidente da Câmara Municipal de Leiria, Gonçalo Lopes, afirmou esta terça-feira, dia 29 de setembro, que não é admissível continuar a adiar a solução para o tratamento dos efluentes do setor agropecuário, um problema identificado há décadas, num processo que gerou um enorme sentimento de desconfiança quanto à efetiva vontade de superar de forma eficaz e duradoura este desafio. O autarca falava na sessão de apresentação da Estratégia Nacional para os Efluentes Agropecuários e Agroindustriais (ENEAPAI), que decorreu no Teatro Miguel Franco, com a presença dos secretários de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, Nuno Russo, e do Ambiente, Inês dos Santos Costa.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Estrada Nacional Nº 1
Nuno Catita
Alcobaça e o Futuro
Rui Alexandre
Dever de informar
Carlos Bonifácio
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o