Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
O Estado deve deixar de financiar escolas privadas e cooperativas?
Sim
Não
Só escolas privadas
Não sei / talvez
Edição Nº 180 Director: Mário Lopes Quinta, 27 de Julho de 2017
Rede de Percursos Pedestres de Leiria
Percurso Pedestre desafia leirienses
a descobrirem Menino do Lapedo
Visitar o Vale do Lapedo e conhecer a história do “Menino do Lapedo” em Santa Eufémia é o desafio que o Município lança aos leirienses para dia 11 de outubro, domingo. Pelas 09h30, terá lugar em Stª Eufémia, Lapedo, o sexto percurso da Rede de Percursos Pedestres de Leiria, uma iniciativa do Município de Leiria em parceria com o Núcleo de Espeleologia de Leiria, que terá como temática o Vale do Lapedo e o "Menino do Lapedo". O próximo percurso será o de Cortes|Maunça, a realizar no dia 13 de dezembro.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Lezíria do Tejo apresenta resultados do Estudo para o Apoio à Transição para Economia de Baixo Carbono
Municípios da Lezíria do Tejo poupam mais de meio milhão de euros com eficiência energética
No dia 29 de setembro foram apresentados, aos autarcas e técnicos dos Municípios associados da CIMLT, os resultados do Estudo para o Apoio à Transição para uma Economia de Baixo Carbono na Lezíria do Tejo. Através do Estudo para o Apoio à Transição para uma Economia de Baixo Carbono concluiu-se que existe um grande potencial de poupança na Lezíria do Tejo, sendo possível evitar, só nos pontos em que este Estudo incidiu, emissões de CO2 na ordem das 1.320 toneladas/ano. As medidas propostas pelo Estudo para os espaços estudados demonstram que poderão vir a ser poupados quase 3,5 milhões de kWh, o que significará uma economia de 535.000€ para os 11 Municípios da Lezíria do Tejo.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Autarquias pagam água que não consomem
Municípios de Alcobaça e Óbidos continuam a pagar caudais mínimos de consumo de água
Alcobaça e Óbidos são os únicos municípios do Oeste que continuam obrigados a cumprir caudais mínimos por parte do Sistema Multimunicipal de Águas e Saneamento de Lisboa e Vale do Tejo, tendo todos os restantes municípios ficado isentos deste compromisso após a extinção da empresa multimunicipal Águas do Oeste. O presidente da Câmara Municipal de Alcobaça revelou durante a reunião de Câmara de 14 de setembro que esta exceção se deve ao facto dos dois municípios serem os únicos do Oeste a não serem abastecidos exclusivamente pela Águas de Lisboa e Vale do Tejo, uma vez que parte do abastecimento de água aos munícipes é proveniente de nascentes de água existente nos respetivos concelhos.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
De Alcobaça a Vila Franca de Xira
Oeste Sustentável realiza diagnósticos energéticos a 24 quartéis de bombeiros
A Agência Regional de Energia e Ambiente do Oeste – OesteSustentável realizou diagnósticos energéticos a 24 quartéis de bombeiros do Oeste, Sintra, Odivelas e Vila Franca de Xira no âmbito do projeto “Eco Bombeiros – Sensibilização para a eficiência energética em quartéis de bombeiros”. O projeto, que está a ser implementado através do Plano de Promoção para a Eficiência no Consumo (PPEC), da Entidade Reguladora para os Serviços Energéticos (ERSE) e promovida por um consórcio de Agências de Energia onde se integra a OesteSustentável abrange 61 quartéis de bombeiros, 16 dos quais na Região Oeste.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Novo Plano Diretor Municipal já entrou em vigor
Pedrógão Grande tem novo PDM
No dia 19 de setembro de 2015, entrou em vigor o novo P.D.M. – Plano Diretor Municipal de Pedrógão Grande, um instrumento de trabalho que contribui para o crescimento económico, social e turístico, permitindo almejar novos horizontes para um desenvolvimento sustentável do concelho. Na elaboração deste P.D.M. pretendeu-se uma objetividade a longo prazo, capaz de ir ao encontro dos problemas decorrentes da interioridade, o que se traduz em ganhos e em exequibilidade no que toca ao aproveitamento dos recursos internos, bem como, de sectores por explorar que constituem novas oportunidades para a dinamização económica de Pedrógão Grande.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Peniche
Politécnico de Leiria apresenta manual ilustrado dedicado aos peixes das Berlengas
“Peixes das Berlengas – manual ilustrado da ictiofauna da Berlenga” é o título do novo livro da autoria de Telma Costa, Teresa Mouga, Paulo Maranhão e Sérgio Leandro, que junta a arte da ilustração científica com a biologia marinha, com base no património natural da Reserva da Biosfera das Berlengas, reconhecida pela UNESCO. A nova obra será apresentada no dia 6 de outubro, pelas 17h30, no auditório da Escola Superior de Turismo e Tecnologia do Mar (ESTM) do Instituto Politécnico de Leiria (IPL).
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Campeonato do Mundo de Surf
Município de Peniche desenvolve em parceria ações de sustentabilidade ambiental
A organização não-governamental de ambiente COGE3, apoiada pelo Município de Peniche, estará presente durante o Moche Rip Curl Pro Portugal 2015, que decorre entre 20 e 31 de outubro, atuando no domínio da sensibilização ambiental através de palestras, na praia dos Supertubos. A par disso, estarão todas as manhãs a recolher microplásticos nas diversas praias do Município de Peniche, onde o público também poderá participar. No Centro de Alto Rendimento e no stand do Município de Peniche, na Praia dos Supertubos, estarão expostas diversas fotografias tiradas pela organização, relacionadas com a atividades de limpeza de praias em Espanha.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
No Centro de Interpretação Ambiental
Quercus promove em Leiria wokshop “Monitorização e Conservação de Rios”
Realiza-se no dia 24 de outubro, sábado, no Centro de Interpretação Ambiental (CIA), um workshop subordinado ao tema “Monitorização e Conservação de Rios” organizado pela Quercus em parceria com o Município de Leiria. Os rios são uma fonte de vida permanentemente sujeita a várias ameaças que promovem a degradação dos sistemas ribeirinhos e da biodiversidade envolvente. O Workshop de Monitorização e Conservação de Rios alerta para esta realidade e para a necessidade de reverter os respetivos efeitos nocivos.
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Tomar e Ourém
Zona de Intervenção florestal de Seiça vai ter melhores condições de defesa contra incêndios
A Comissão Municipal de Defesa da Floresta (CMDF) de Tomar deu um parecer positivo à integração de mais áreas de mosaicos de parcelas de gestão de combustível, no planeamento das ações referentes ao 1.º eixo estratégico do Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios para o período 2013-2017. A reunião incidiu na Zona de Intervenção florestal (ZIF) de Seiça, que integra a freguesia da Sabacheira, para além de Seiça, Alburitel e Piedade (todas do concelho de Ourém).
Esta notícia foi comentada 0 vez(es).
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
EDITORIAL
A eleição das meias vitórias
Mário Lopes
OPINIÃO
Tromboembolismo venoso afeta dez milhões em todo o mundo
Drª Celeste Dias
Luaty Beirão
Henrique Neto
“Disciplinados”, os Portugueses foram votar
Joaquim Vitorino
Posição sobre as taxas do Imposto Municipal de Imóveis para 2016 no concelho de Alcobaça
Carlos Bonifácio
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o