Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Quem foi o principal vencedor das eleições para o Parlamento Europeu?
PS
Bloco de Esquerda
PAN
Outro
Edição Nº 220 Director: Mário Lopes Quarta, 27 de Março de 2019
Com inauguração a 27 de março
Serralves expõe obras de Ângelo de Sousa
em Torres Vedras
   
                     "Mão Esquerda", de Ângelo de Sousa
Ângelo De Sousa: quase tudo o que sou capaz é uma exposição realizada a partir de obras da Coleção de Serralves, a ser apresentada no Paços Galeria Municipal de Torres Vedras, pelas 21h30 de dia 27 de março, no âmbito do acordo de integração do município de Torres Vedras como Fundador de Serralves. A cerimónia de inauguração contará com as presenças da presidente da Fundação de Serralves, Ana Pinho, e do presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Carlos Bernardes.

     Como resultado da parceria estabelecida, em 2016, entre a Fundação de Serralves e o Município de Torres Vedras esta cidade recebe dia 28 deste mês de março, no âmbito da sua programação cultural, a exposição Ângelo De Sousa: quase tudo o que sou capaz.

Ângelo de Sousa: quase tudo o que sou capaz

de 28 março 2019 a 19 maio 2019
Paços Galeria Municipal de Torres Vedras

Esta iniciativa integra-se num programa de exposições e apresentação de obras da Coleção de Serralves especificamente selecionadas para os locais de exposição com o objetivo de tornar o acervo acessível a públicos diversificados de todas as regiões do país.

Ângelo de Sousa (Lourenço Marques, Moçambique, 1938-2011, Porto), além de ser uma das figuras mais influentes da arte portuguesa da segunda metade do século XX, é um dos artistas melhor representados na Coleção de Serralves, com trabalhos realizados entre os anos 1961 e 2002, e que abarcam todos os meios artísticos a que ele se dedicou ao longo da sua prolífica carreira: desenho, pintura, escultura, instalação, filme e fotografia.

"Ângelo de Sousa: Quase tudo o que sou capaz” junta uma parcela muito considerável destas obras — desenhos, pinturas e esculturas — com o objetivo de sublinhar a importância da contaminação entre aquelas disciplinas para a evolução da sua prática artística: ao reunir mais de 20 obras de vários períodos da sua carreira, esta exposição combate a imagem dominante do pintor Ângelo, mostrando que o desenho e a escultura são não apenas facetas fundamentais da sua obra como aquelas em que porventura é mais evidente o espírito experimentalista da sua obra.

Caracterizados por uma aparente simplicidade — o artista tenta obter, nas suas palavras, "o máximo de efeitos com o mínimo de recursos, o máximo de eficácia com o mínimo de esforço, e o máximo de presença com o mínimo de gritos” —, os desenhos, pinturas e esculturas de Ângelo de Sousa não ilustram conceitos, nunca partem de ideias, mas da ânsia de fazer e pensar com as mãos. A exposição sublinha esta vontade de trabalhar com elementos simples, ao apresentar as primeiras obras de Ângelo de Sousa, ainda figurativas mas apontando já para a depuração que viria a caracterizar o artista, lado a lado com os exercícios abstrato-geométricos — nomeadamente desenhos, telas e esculturas — que o impuseram como um dos maiores estudiosos da cor e da luz.

Produção: Fundação de Serralves — Museu de Arte Contemporânea, Porto

 Fonte: FS
27-03-2019
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Festivais de Verão 2019 – Centro e Sul de Portugal
Liberdade para manifestar opinião
César Santos
A importância do Exame Médico Desportivo
Dr. Manuel Portela
Parque de auto caravanismo e passadiços de S. Martinho do Porto
Carlos Bonifácio
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o