Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Leiria tem condições para ser Capital Europeia da Cultura?
Sim
Não
Não sei / talvez
Edição Nº 211 Director: Mário Lopes Terça, 10 de Julho de 2018
Nazaré
CDU contesta legitimidade do executivo PS
para privatizar o Parque da Pedralva
  
                                Parque da Pedralva
O Grupo de Trabalho da CDU da Nazaré contestou, no dia 5 de Julho, a legitimidade do executivo PS para privatizar o Parque da Pedralva. “Falar do Parque da Pedralva é algo que nos diz muito enquanto munícipes e autarcas. Daí a nossa estupefacção relativamente ao interesse deste executivo em privatizar algo que não lhe pertence – o público é de todos.” A CDU recorda que há quase duas décadas que se anda a bater pela dignificação daquele espaço”, tendo apresentado nos últimos mandatos autárquicos projectos para a dinamização e fruição daquele singular parque público.

   Todo o executivo PS, com o apoio dos vereadores do  PSD votaram favoravelmente à privatização da parte superior da Pedralva. Para a CDU, “autarcas que tomam estas decisões políticas não passam de meros gestores dos grandes interesses capitalistas que veem em cada metro quadrado da Nazaré uma mina de ouro. Outros espaços, outros projectos de privatização se seguirão a este. Tal como afirmámos, há bem pouco tempo atrás, sobre as intervenções avulsas do executivo na Pedralva: estava-se a investir dinheiro público na requalificação parcelada da Pedralva para preparar caminho para a sua privatização. Aí está! Confirmou-se mais uma vez aquilo que dizíamos! Infelizmente para a população a vida vai-nos dando razão!”

   Segundo a CDU, “só a história nos confirmará os reais interesses deste executivo PS ao desbaratar desta forma o património público. Perde-se, com esta opção de privatização, uma oportunidade histórica de devolver à população, integralmente e de forma digna, este parque público. Algo que deveria ser potenciado para o desenvolvimento das artes, da cultura, do desporto, da classificação e observação da natureza, sem ter que pedir permissão a ninguém para desfrutar daquilo que é nosso por direito.”

   Contrariamente ao que a CDU defende, “o executivo PS apenas vê naquele espaço a possibilidade de instalação de uma unidade hoteleira de luxo para usufruto de alguns, vendendo a ideia que essa instalação é a única possibilidade de revitalização daquele parque e que, como tal, é uma inevitabilidade”, adianta o Grupo de Trabalho da CDU da Nazaré, lembrando que “em nenhum ponto dos seus programas eleitorais o PS apresentava como opção a privatização da Pedralva. Ou seja: não tiveram coragem de colocar estas opções à escolha dos cidadãos!”

   A CDU recusa a legitimidade política concedida pela maioria absoluta conseguida pelo PS, garantindo que tal como antes se baseou em “mentiras pré-eleitorais. Também diziam que nunca defenderam a adesão ao PAEL, nem o despedimento colectivo de trabalhadores na autarquia, nem a alienação do mais variado património público ou a transformação progressiva da Nazaré numa verdadeira “Nazolândia”, dada a parafernália de eventos e iniciativas que se atropelam e se dividem, sem nunca sabermos bem para onde navega esta “nau”. Bem pelo contrário!”

   A CDU sublinha que, “para chegarem ao poder, o discurso era não privatizar, não vender, não despedir e não aderir ao PAEL”, mas “a prática efectiva provou o quão vazio e falso era esse discurso.”

   Voltando à questão central – a Pedralva – a CDU lembra que no dia 29 de junho, em sede de reunião da Assembleia Municipal, todos os deputados do PS, apoiando o seu executivo, votaram favoravelmente à privatização da Pedralva. A bancada do PSD também votou favoravelmente, ainda que dois dos seus deputados se abstivessem, tendo o BE também optado pela abstenção. A CDU foi a única força política ali representada que votou contra a privatização daquele espaço público.

   Para o Grupo de Trabalho da CDU da Nazaré, “ficam assim, mais uma vez, a “nu”, as contradições insanáveis entre o que diz e o que faz este executivo PS, que de “Socialista” apenas conserva a designação. As suas práticas e opções políticas é que atestam a sua natureza de classe e não os discursos ou as siglas que ostentam.”

   A CDU garante que fará tudo o que estiver ao seu alcance para “travar este devaneio de privatizar o Parque da Pedralva” e que continuará a lutar, e a apresentar propostas, pela sua dignificação para fruição de todos, “sem muros nem ameias”.
10-07-2018
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Pela Conclusão da IC3/A13
Tiago Carrão
Posição do CDS sobre os documentos previsionais do Municipio de Alcobaça para 2019
Carlos Bonifácio
A vacinação reduz o número de casos e de mortes por pneumonia
Dr. Vasco Barreto
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o