Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Quem é o melhor candidato presidencial?
Ana Gomes
André Ventura
João Ferreira
Marcelo Rebelo de Sousa
Marisa Matias
Tiago Mayan Gonçalves
Edição Nº 232 Director: Mário Lopes Sábado, 16 de Maio de 2020
Após parecer desfavorável
Câmara culpa delegada de saúde da Marinha Grande pela não reabertura do Mercado
  
                   Cidália Ferreira 
A 30 de abril a Câmara Municipal da Marinha Grande apresentou à Delegada de Saúde a intenção de fazer a reabertura dos Mercados Municipais, na sequência do fim do Estado de Emergência e do Plano de Desconfinamento anunciado pelo Governo.

    A 4 de maio, a Delegada de Saúde solicitou que a Câmara apresentasse um Plano de Contingência especifico para cada mercado municipal, tendo em atenção as suas características individuais, de acordo com a orientação n.º 06/2020 de DGS e as orientações da DGAV para os diversos produtos alimentares que comercializam, adaptado à fase atual de calamidade.

    A 06 maio de maio a Câmara Municipal remeteu os Planos de Contingência requeridos, tendo a Senhora Delegado de Saúde respondido nesse mesmo dia, e sobre o Mercado Municipal da Marinha Grande que “É nosso entendimento que a sua reabertura seja restrita à comercialização de Bacalhau Seco, Produtos da Horta e do Pomar (Frutas, Legumes, Hortaliças várias, e afins), Flores/Plantas, Pão e Produtos pré-embalados (Bolos secos/Queijos/Produtos de charcutaria/Frutos secos), condicionada às alíneas de a) a e) do ponto 2. (...)".

   As alíneas em causa são:

a. Plano de limpeza/higienização e desinfeção de todos os espaços seja efetuado antes da hora de abertura e após encerramento, com reforço da higienização e desinfeção dos espaços de entrada/de circulação e sanitários públicos, 2 a 3 h após a abertura ou com maior regularidade, dependendo da afluência de clientes;
b. Seja assegurado um limite do número de pessoas no mercado de acordo com o Anexo da RCM n.º 33-C/2020 (5 pessoas/100 m2);

c. Seja respeitada, à semelhança para clientes ou entre clientes e vendedores, a distância de segurança de 2 metros entre vendedores, mesmo que signifique a redução do número de vendedores por dia de abertura;

d. O espaço, para além da definição de circuito unidirecional com sinalética como previsto, deve ser devidamente arejado com circulação de ar pela abertura de portas e/ou janelas;

e. Sejam cumpridas integralmente as orientações da DGAV, e em especial que os vendedores se apresentarão com vestuário e calçado próprio à função, para além dos respetivos EPI (máscara/viseira; touca/boné). As luvas descartáveis, para manuseamento dos produtos pelos vendedores, não são fundamentais ou até mesmo desaconselhadas pela falsa segurança que podem dar. A lavagem e/ou desinfeção das mãos antes de iniciar a tarefa, entre atendimentos de clientes, e sempre que necessário, é o primordial;

    A Câmara Municipal respondeu a 13 de maio, remetendo os Planos de Contingência individuais para cada Mercado, tendo respondido a todas as alíneas supra referidas e indicadas pela Delegada de Saúde da Marinha Grande, por isso, convicta de que nada impediria o funcionamento do Mercado da Marinha Grande, com os condicionalismos supra referidos.

   A 15 de maio,a Delegada de Saúde (sabendo já da intenção da Câmara em fazer a reabertura no sábado) visitou os 3 mercados da parte da manhã.

    Apenas às 17h33 a Delegada de Saúde informou a Câmara Municipal que “o Mercado Municipal da Marinha Grande devido às sua deficiências estruturais, funcionais e de higienização, não permite reunir os requisitos mínimos para o normal funcionamento, e menos ainda, para esta situação de pandemia de Saúde Pública relacionada com a COVID-19, pelo que entendemos dar PARECER DESFAVORÁVEL à sua reabertura".

    A Câmara Municipal da Marinha Grande lamenta assim que “a Senhora Delegada de Saúde tenha impedido a reabertura do Mercado Municipal da Marinha Grande quando foram cumpridas todas as orientações que a Delegada de Saúde exigiu inicialmente.”
16-05-2020
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Sugestões de viagem pela nossa região no verão
Por Andrew Balza
A importância do uso racional dos antibióticos
Dr. Ricardo Jorge Silva
Cuidados a ter com a postura em situação de teletrabalho
Dr. Francisco Oliveira Freitas
Entrar na primavera com bons olhos
Dr. Raúl Sousa
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o