Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Leiria tem condições para ser Capital Europeia da Cultura?
Sim
Não
Não sei / talvez
Edição Nº 213 Director: Mário Lopes Quarta, 26 de Setembro de 2018
Formação pioneira no País responde aos desafios da Indústria 4.0
Mestrado de Engenharia para Fabricação Digital Direta é nova aposta do Politécnico de Leiria
  
           Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Leiria
O mestrado internacional em Engenharia para Fabricação Digital Direta é a mais recente aposta formativa da Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTG) do Politécnico de Leiria. O novo curso, que é pioneiro no País, visa responder aos desafios da digitalização da indústria, em particular no âmbito da nova revolução industrial, a Indústria 4.0.

   «Este é um mestrado que é o espelho da inovação do Politécnico de Leiria, que forma profissionais com competências para as necessidades de hoje, mas principalmente, com a visão de projetar o futuro e promover o conhecimento e a antecipação tecnológica» destaca Rui Pedrosa, presidente do Politécnico de Leiria. «É suportado pela elevada capacidade instalada de investigação e pela existência de equipamentos diferenciadores na fabricação digital direta, nomeadamente pela valorização da cadeia de produção, tendo como farol acrescentar valor pela engenharia e pelo design para fabricação digital e automática».

   O presidente do Politécnico de Leiria salienta ainda que «este é um curso que demonstra a nossa capacidade na área da Engenharia, suportado pela Indústria 4.0, ou seja, pela digitalização da indústria. A impressão 3D é claramente uma das áreas com foco estratégico do mestrado e será um fator de competitividade global das indústrias, em particular em alguns setores de atividade da Região, como sejam a indústria dos moldes, a injeção de plásticos, a transformação da pedra ornamental, a cerâmica ou até a construção civil. Também por esta razão este é um mestrado pioneiro».

   Compreender os processos de Fabricação Direta Digital contextualizados na Indústria 4.0; saber selecionar materiais adequados e formas para cada processo de Fabricação Direta Digital; aplicar estes processos no âmbito da Indústria 4.0 e criar produtos customizados/personalizados, o que contribui para a modificação de cadeias logísticas; entender os impactos sociais decorrentes da generalização dos processos de Fabricação Direta Digital; adquirir competências profissionais e de investigação científica, são os principais objetivos do novo mestrado do Politécnico de Leiria.
O curso contribui para desenvolver a ligação com o tecido empresarial da região através da aplicação de boas práticas e investigação industrial que permitirá resolver problemas com soluções tecnológicas inovadoras.

   O mestrado é apoiado pela infraestrutura científica PAMI – Portuguese Manufacturing Initiative, aprovada pela Fundação para a Ciência e Tecnologia, atualmente liderada pelo Centro para o Desenvolvimento Rápido e Sustentado do Produto (CDRsp) do Politécnico de Leiria, tendo como parceiros as seguintes entidades da Região Centro: o CENTIMFE - Centro Tecnológico da Indústria de Moldes, Ferramentas Especiais e Plásticos; o CEMUC-UC, o ISR-UC e o CNC-UC (Centro de Engenharia Mecânica, Instituto de Sistemas e Robótica, e Centro de Neurociências e Biologia Celular da Universidade de Coimbra), e o Instituto Pedro Nunes.

   O Politécnico de Leiria, particularmente através da ESTG e do CDRsp, tem vindo a destacar-se no domínio da fabricação digital direta, nacional e internacionalmente, tendo já uma larga experiência no trabalho em rede na região, com as empresas, instituições de ensino superior, centros tecnológicos, unidades de investigação e associações empresariais.

   As candidaturas já estão disponíveis online e os interessados podem fazer a sua inscrição até ao dia 1 de outubro, através do site: http://candidaturas.ipleiria.pt/

   Fonte: Midlandcom
26-09-2018
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Pela Conclusão da IC3/A13
Tiago Carrão
Posição do CDS sobre os documentos previsionais do Municipio de Alcobaça para 2019
Carlos Bonifácio
A vacinação reduz o número de casos e de mortes por pneumonia
Dr. Vasco Barreto
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o