Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Como classifica o nível da pandemia em Portugal?
Normal que haja surtos pontuais
Anormal e a culpa é do Governo
Anormal e a culpa é do comportamento das pessoas
Não sei
Edição Nº 233 Director: Mário Lopes Quarta, 17 de Junho de 2020
Número preocupa Comissão Municipal de Proteção Civil
Pombal regista 16 novos casos de Covid-19
    
  Reunião da Comissão Municipal de Proteção Civil de Pombal
A Comissão Municipal de Proteção Civil (CMPC) de Pombal analisou, em reunião extraordinária realizada na tarde desta terça-feira, 16 de junho, a situação no concelho decorrente da pandemia Covid-19, tendo sido manifestada a preocupação quanto aos comportamentos da população neste período de pós-confinamento, nomeadamente o não cumprimento das medidas profiláticas emanadas pela Direção-Geral de Saúde.

   De registar que, após 31 dias sem o registo de novos casos de contaminados, o concelho de Pombal assistiu, nos últimos dias, a um aumento de situações de infeção por Covid-19. À data de 16 de junho o concelho registava um número acumulado de 82 casos confirmados, estando 16 ativos, segundo informação da Autoridade de Saúde Pública de Pombal.

  Um aumento preocupante que, de acordo com o Delegado de Saúde de Pombal, se deve sobretudo à “falta de consciencialização” dos cidadãos, pelo que se realça a importância de existir um rigoroso cumprimento das determinações das autoridades sanitárias.

  Analisadas as possíveis cadeias de transmissão do vírus, a CMPC verifica que a maioria dos casos agora confirmados estarão relacionados com a atividade de construção civil, designadamente com trabalhadores que se deslocam para vários locais fora do concelho e da região. Há a necessidade de serem tomadas algumas medidas de prevenção, como por exemplo, sempre que possível, o transporte no mesmo veículo e evitar paragens durante o percurso de viagem, reduzindo o menor número de contatos possíveis.

   Uma preocupação também quanto à comunidade jovem que, nesta fase de pós-confinamento e embora possa apresentar uma situação assintomática, é de risco elevado de transmissão da doença, tendo em conta momentos de convívio e de confraternização junto de familiares e amigos.

    A Comissão Municipal de Proteção Civil alerta ainda para as visitas aos utentes que se encontram institucionalizados em estruturas residenciais para idosos, que são naturalmente pessoas de risco acrescido de maior disseminação da infeção. Apela-se, assim, a uma maior consciencialização de todos os familiares, sensibilizando-os para o cumprimento das orientações emanadas pela Direção-Geral de Saúde e recomendações determinadas por cada uma das instituições, designadamente redução do tempo de permanência, distanciamento social e higienização.
 
     Fonte:  GC|CMP
17-06-2020
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Estatuária, Memória e Democracia
Leonor Carvalho
As grandes epidemias da História
Joaquim Vitorino
Dever de informar
Carlos Bonifácio
A Pandemia… dos ignorados
Dr. Joaquim Brites
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o