Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Leiria tem condições para ser Capital Europeia da Cultura?
Sim
Não
Não sei / talvez
Edição Nº 215 Director: Mário Lopes Terça, 4 de Dezembro de 2018
Num espirito construtivo e de confiança com o trabalho desenvolvido pelo Executivo
Orçamento municipal de Porto de Mós aprovado sem qualquer voto contra
  
Paços do Concelho de Porto de Mós
Decorreu na sexta-feira, 30 de novembro, a Assembleia Municipal, com o objetivo de discutir e votar o Orçamento Municipal e Grandes Opções do Plano para 2019, assim como discutir e votar os Acordos de Execução e Contratos Interadministrativo entre a Câmara Municipal e as Juntas de Freguesia.

   O Orçamento apresentado, no valor de 21.333.087€ representa um aumento superior a 300 mil euros, em relação a 2018. Este aumento deve-se, essencialmente, a um crescimento na receita, ao nível dos impostos diretos, como o IMI e o IMT, assim como um aumento das transferências do Estado.

   Este aumento da Receita será refletido na sua totalidade em Investimento de Capital, sendo que se prevê que as Despesas Correntes diminuam, tendo em conta a eficiência na gestão de toda a instituição pública - Câmara Municipal - verificada já em 2018 e que se perspetiva para 2019.

   As Grandes Opções do Plano para 2019 refletem uma grande aposta no Turismo, investindo um montante inédito superior a 1 milhão de euros, com comparticipação de fundos comunitários, assim como o necessário investimento na rede de Saneamento básico e de rede de Águas, com um valor total a rondar os 2 milhões de euros.

   Ainda de grande importância, destacar o investimento no desenvolvimento económico do concelho, apostando assim em garantir os requisitos legais exigíveis para a implementação da grande Área de Localização Empresarial de Porto de Mós. Referir ainda, a necessidade de alocar um valor de 1.850.000€ para a obra da Central Termoelétrica, uma vez que a reprogramação dos fundos comunitários afetos à mesma assim o exige, imputando assim, 25% de todo o investimento de capital do Município a esta obra específica.

   Por fim, relevar o reforço financeiro, pelo segundo ano consecutivo, das transferências para as Juntas de Freguesia, desta feita como incremento no apoio ao exercício de competências já exercidas no passado, delegadas pelo Município.

   Na Assembleia Municipal foram, ainda, aprovados os Contratos Interadministrativo e os novos valores e critérios para o Acordo de Execução, no âmbito da delegação de competências, atualizando-os a melhorando-os, garantindo um novo aumento de transferência financeira para as Juntas de Freguesia, atingindo um total superior a 600 mil euros. O Executivo Municipal tem nas respetivas Juntas de Freguesias parcerias de excelência, que certamente serão reforçadas de uma forma gradual, sem exceção, pois apenas desta forma, capacitando e dando cada vez mais autonomia financeira a estas, será possível melhorar diretamente a qualidade de vida daqueles que mais precisam por todo o extenso território do concelho de Porto de Mós.

   Para finalizar, de referir que ambas as votações mereceram a aprovação dos membros da Assembleia Municipal, sem qualquer voto contra, num espirito construtivo e de confiança com o trabalho desenvolvido pelo Executivo Municipal.

   Fonte: GC|CMPM
04-12-2018
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Pela Conclusão da IC3/A13
Tiago Carrão
Posição do CDS sobre os documentos previsionais do Municipio de Alcobaça para 2019
Carlos Bonifácio
A vacinação reduz o número de casos e de mortes por pneumonia
Dr. Vasco Barreto
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o