Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
As alterações climáticas são uma ameaça real para a humanidade?
Sim
Não
Não sei / talvez
Edição Nº 211 Director: Mário Lopes Terça, 24 de Julho de 2018
De 11 a 15 de agosto
Aljubarrota Medieval celebra a independência de Portugal ao vivo
   Em Aljubarrota revivem-se os tempos medievais

   Durante 5 dias, de 11 a 15 de agosto, a vila de Aljubarrota do concelho de Alcobaça, estará em festa! Aljubarrota Medieval, um grande evento que conta com mais de duas décadas de existência, onde se evoca a gloriosa Batalha de Aljubarrota.

   A famosa batalha de aljubarrota. A história ao vivo!


  
                                             Cartaz
Uma oportunidade para descobrir um pouco mais da História de Portugal, vivendo-a junto do local que deu o nome à famosa Batalha, ocorrida no final da tarde do 14 de agosto de 1385 (há 633 anos) entre as tropas portuguesas, com aliados ingleses, e o exército castelhano e seus aliados. Após esse dia, e da derrota definitiva do exército castelhano, pôs-se fim à crise de 1383-1385 e consolidou-se a independência de Portugal, dando início ao reinado de D. João I, o primeiro rei da Dinastia de Avis.

   A este importante momento histórico estão associadas várias personagens que também serão evocadas: como a lendária Padeira de Aljubarrota a quem é atribuído o feito de, com a pá do seu ofício, ter aniquilado um grupo de sete castelhanos famintos; como o D. Nuno Álvares Pereira (o Santo Condestável), responsável pela consolidação do trono de Avis, preparando as melhores defesas contra o invasor de Castela; D João I, o Mestre de Avis, que após a vitória na Batalha pode consolidar a sua coroa e manter Portugal independente e D. Martim Aires de Ornelas, comandante das tropas enviadas pelo Mosteiro de Alcobaça.

   5 dias de festa!

   Nesta grande festa nada é esquecido, recria-se o ambiente da época medieval, evoca-se a memória dos combatentes e do glorioso passado de Portugal, com muita alegria e animação. Para os que lá passarem prometese um excelente ambiente familiar e de convívio. Prova-se o afamado pão da padeira, os queijos, os enchidos, as carnes de caça, os licores, os doces, o mel e as compotas. Recriam-se os ofícios antigos como a olaria, a tecelagem e os bordados. Brinda-se e saboreiam-se bons repastos nas tavernas, apreciam-se os cortejos, os torneios a pé e a cavalo, as mostras de armas e o acampamento militar. E há ainda espaço para os malabarismos e para a música. A entrada é livre!

   Consulte o programa completo da Aljubarrota Medieval

   Fonte: GRPP|CMA
24-07-2018
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o