Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Como classifica o nível da pandemia em Portugal?
Normal que haja surtos pontuais
Anormal e a culpa é do Governo
Anormal e a culpa é do comportamento das pessoas
Não sei
Edição Nº 232 Director: Mário Lopes Quinta, 28 de Maio de 2020
Segundo a Agência Portuguesa do Ambiente
Nazaré, Foz do Arelho, São Martinho do Porto e Cova da Alfarroba lideram praias do Oeste
   
                                 Praia da Nazaré
As praias da Nazaré (17100 pessoas), Foz do Arelho - Lagoa, nas Caldas da Rainha (6000 a 7000 pessoas), São Martinho do Porto - Norte, Alcobaça (5200 a 6500 pessoas) e Cova da Alfarroba, em Peniche (4000 - 5000 pessoas) lideram a lista da Região Oeste com maior capacidade para acolher banhistas durante a fase de pandemia, segundo a lista publicada no final de maio pela Agência Portuguesa do Ambiente.

    Capacidade das praias durante a fase de pandemia

Alcobaça Água de Madeiros 150
Alcobaça Pedra do Ouro 100
Alcobaça Polvoeira 1500
Alcobaça Paredes da Vitória 2600
Alcobaça Légua 1300
Alcobaça São Martinho do Porto - Norte 5200 - 6500
Alcobaça São Martinho do Porto - Sul 1000
Nazaré Nazaré 17100
Nazaré Salgado 3100
Caldas da Rainha Foz do Arelho - Lagoa 6000 - 7000
Caldas da Rainha Foz do Arelho - Mar 3800
Óbidos Cortiço 300
Óbidos Bom Sucesso 4500
Óbidos D'El Rei 1600
Peniche Baleal Norte 2800
Peniche Baleal Sul 2200- 2800
Peniche Baleal - Campismo 2100- 2600
Peniche Cova da Alfarroba 4000 - 5000
Peniche Peniche de Cima 1700 - 2100
Peniche Gambôa 700
Peniche Porto da Areia Sul 200
Peniche Molhe Leste 3800
Peniche Medão - Supertubos 2600
Peniche Consolação Norte 1500
Peniche Consolação 2700
Peniche São Bernardino 300
Lourinhã Areia Branca 600 - 800
Lourinhã Areia Branca (Foz) 2300
Lourinhã Areal Sul 3000
Lourinhã Peralta 500
Lourinhã Porto Dinheiro 600
Lourinhã Valmitão 130
Torres Vedras Porto Novo 600
Torres Vedras Santa Rita 3000 - 3800
Torres Vedras Amanhã/Vigia 1100
Torres Vedras Navio 1900
Torres Vedras Mirante 2400
Torres Vedras Pisão 800
Torres Vedras Física 1200
Torres Vedras Santa Cruz (Centro) 2200
Torres Vedras Santa Helena 600
Torres Vedras Guincho 700
Torres Vedras Formosa 150
Torres Vedras Azul 3400
Torres Vedras Foz do Sizandro 4400

   Capacidade das praias em contexto COVID-19 |

   No seguimento do decreto-lei n.º 24/2020, de 25 de maio, e a partir de um conjunto de critérios que conjugam a dimensão do areal, a influência de marés, as regras de distanciamento e de segregação de acessos, a capacidade de estacionamento, e ainda alguns fatores específicos associados ao risco costeiro (p. ex. existência de arribas), a APA apurou a capacidade das praias.

   Os critérios adotados para a determinação da capacidade das praias são:

1. Águas costeiras e de transição
a) Definição da área de areal utilizável para a prática balnear com a profundidade possível, considerando as características biofísicas e faixas de salvaguarda ao risco costeiro e, tendo como referência, o limite lateral das praias definido nos POOC/POC;

b) Avaliação das condições morfológicas e oceanográficas das praias para identificação daquelas em que a influência da maré condiciona significativamente a utilização do areal e determinação do respetivo diferencial de área;

c) Utilização de uma área de 8,5 m2/pessoa, considerando o distanciamento físico necessário por razões sanitárias;

d) Em praias não urbanas, ponderação dos valores obtidos face aos equipamentos e infraestruturas existentes, em particular o estacionamento, e à sensibilidade ambiental da envolvente da praia;

e) Identificação das praias de uso limitado, em que a área utilizável é fortemente condicionada por faixas de salvaguarda ao risco costeiro associadas a arribas ou acessos.
2. Águas interiores
a) Definição da área utilizável para a prática balnear, considerando a extensão da frente da zona balnear e uma faixa com a profundidade passível de utilização contada a partir do limite do plano de água;

b) Incluem-se, também, nesta área os espaços envolventes disponíveis para o uso balnear, como sejam: parques de merendas, esplanadas, relvados, campos de jogos e piscinas com plataformas flutuantes para permanência.

   Em contexto COVID importa garantir a distância de segurança, o que pode implicar a redução da capacidade de ocupação do areal em determinadas praias. Contudo, em algumas praias, em particular nas de grande dimensão, os valores agora obtidos podem ser superiores à capacidade de carga definida nos POOC/POC, tendo em conta que, nas atuais condições, os utilizadores estão mais disponíveis para ocuparem uma área de areal que ultrapassa os limites das áreas de conforto, consideradas no POC.

   As regiões do Algarve e Tejo e Oeste iniciam, no dia 6 de junho, a época balnear de 2020 para as suas praias.

  As restantes serão publicadas em breve, considerando as respetivas datas de abertura.

   Segundo a APA, estas capacidades são um importante auxiliar para a gestão e utilização segura das praias, pois é a partir destes valores que pode ser dada informação - ao cidadão e às autoridades - de modo a direcionar os devidos comportamentos, de uma forma responsável.
 
    Fonte: APA
28-05-2020
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Cuidados a ter com a postura em situação de teletrabalho
Dr. Francisco Oliveira Freitas
A importância do uso racional dos antibióticos
Dr. Ricardo Jorge Silva
Entrar na primavera com bons olhos
Dr. Raúl Sousa
Sugestões de viagem pela nossa região no verão
Por Andrew Balza
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o