Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Como classifica o nível da pandemia em Portugal?
Normal que haja surtos pontuais
Anormal e a culpa é do Governo
Anormal e a culpa é do comportamento das pessoas
Não sei
Edição Nº 233 Director: Mário Lopes Terça, 9 de Junho de 2020
Câmara prepara intervenção na Mata Municipal
Centro de Interpretação Ambiental de Ourém reabriu ao público
  
 Sessão de reabertura do Centro de Interpretação Ambiental
“Queremos devolver a Mata Municipal à cidade de Ourém e aos seus habitantes”, revelou o presidente da Câmara, na apresentação dos moldes em que será feita a requalificação ecológica e paisagista do espaço

   “Reabilitar da Mata Municipal de Ourém, promover o aumento da reciclagem no nosso concelho e reduzir a pegada de carbono igualmente no Município”, eis os pilares do reforço da aposta na preservação ambiental, anunciados pelo presidente da Câmara, em pleno Dia Mundial do Ambiental.

   Luís Miguel Albuquerque aproveitou a cerimónia que assinalou a reabertura do Centro de Interpretação Ambiental para detalhar a intervenção que o Município prevê levar a cabo na Mata Municipal António Pereira Afonso. “Queremos devolver a Mata Municipal à cidade e aos seus habitantes. Este espaço não tem sido aproveitado como devia e por isso a cidade desligou-se dele, levando a que os mais jovens desconheçam a existem da Mata, assim como a maioria dos novos habitantes de Ourém também não sabem que isto existe”, considera.

   Elaborado pelos serviços municipais, o estudo-prévio apresentado pelo presidente justifica os moldes em que será feita a requalificação ecológica e paisagista da Mata Municipal. “Esta ação consiste na remoção da flora infestante e na colocação de infraestruturas de lazer, de modo a que a mata passe a ser um reduto ecológico mais estruturado e sustentável no nosso concelho”, explica a Divisão de Ambiente e Sustentabilidade da Câmara Municipal de Ourém.

  
Apresentação do projeto de requalificação da Mata Municipal
Das valências que passarão a dotar o espaço, “para além de um museu vivo de flora autóctone e um reduto importante para a avifauna, será uma zona de lazer e aprendizagem em plena natureza, dotada de múltiplas valências, tais como uma zona de piquenique, um pequeno lago com margens relvadas e estadias diversas, percursos pedestres com objetivos definidos (birdwatching -torre para observação de aves, casa do carvalho gigante, zona de aromáticas e chás, viveiro para propagação de sementes de autóctones da própria mata e ginásio ao ar livre), além de um parque canino, com WC apropriado.”

    João Moura, deputado da Nação e presidente da Assembleia Municipal de Ourém, testemunhou a reabertura do Centro de Interpretação Ambiental e sublinhou a importância da Mata Municipal. “Este parque, o velho parque do Liceu, diz muito às pessoas de Ourém, aos que estudaram e aos que ainda estudam aqui ao lado. Faz parte da nossa história, da história dos nossos jovens e da própria cidade. Felicito o Senhor Presidente da Câmara por estar a recuperar a dignidade que este espaço merece. As grandes cidades têm um pulmão verde e este é o pulmão verde de Ourém”, argumenta.

    A Mata Municipal António Pereira Afonso situa-se na zona norte da cidade de Ourém, mais precisamente na envolvente do antigo Liceu, hoje requalificado e transformado na Escola Básica e Secundária de Ourém.
 
    Fonte: GIC|CMO
09-06-2020
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Estatuária, Memória e Democracia
Leonor Carvalho
As grandes epidemias da História
Joaquim Vitorino
Dever de informar
Carlos Bonifácio
A Pandemia… dos ignorados
Dr. Joaquim Brites
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o