Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Os espectadores de futebol devem poder regressar aos estádios?
Sim, com restrições
Não
Não sei / talvez
Edição Nº 236 Director: Mário Lopes Quinta, 3 de Setembro de 2020
Parque Infantil de Toledo, Miradouro de Pena Seca e Santa Casa da Misericórdia da Lourinhã
Orçamento Participativo da Lourinhã 2020 tem três projetos aprovados
    
                                 Cartaz
Os Resultados Finais da Votação do Orçamento Participativo da Lourinhã 2020, distribuídos pelos três patamares orçamentais, foram conhecidos no dia 31 de agosto. Em 2020, houve 23 propostas, que passaram, após análise técnica, a 15 projetos. Os mesmos obtiveram um total de 2868 votos, que resultaram em 3 projetos mais votados, num total de investimento de 64.998€. Os votos distribuíram-se entre propostas relacionadas com o Espaço Público, através da proposta 17, Parque Infantil de Toledo (296 votos) e da proposta 11, Miradouro de Pena Seca (242 votos) e com a Cultura, através da proposta 23, Digitalizar e disponibilizar à comunidade 600 anos de arquivo da Santa Casa da Misericórdia da Lourinhã (483 votos).

   Conheça, em detalhe, cada uma das propostas:

Proposta 17, Parque Infantil de Toledo, pretende a renovação do parque infantil de Toledo.
Valor de investimento -> 14.998 €
Localização -> Vimeiro, Toledo

Proposta 11, Miradouro de Pena Seca, pretende o arranjo do Miradouro da Pena Seca, que permita a colocação de mesas de piquenique e de outros arranjos que permitam que as pessoas possam desfrutar da vista e daquele local.
Valor de investimento -> 20.000 €
Localização -> U.F. de São Bartolomeu dos Galegos e Moledo, União das freguesias de São Bartolomeu dos Galegos e Moledo, Pena Seca

Proposta 23, Digitalizar e disponibilizar à comunidade 600 anos de arquivo da Santa Casa da Misericórdia da Lourinhã, pretende o direito à fruição do Património por todos os cidadãos.

Proponente: Santa Casa da Misericórdia da Lourinhã
Valor de investimento: 30.000 €
Local: União das freguesias de Lourinhã e Atalaia, Lourinhã
 
Descrição: Digitalizar e disponibilizar à comunidade 600 anos de arquivo da santa casa da misericórdia da Lourinhã. O projeto pretende a preservação, digitalização e disponibilização à comunidade, do maior, mais antigo e completo Fundo Documental da nossa terra, acervo da Santa da Misericórdia da Lourinhã, cuja génese se inscreve na antiga Gafaria de Santo André (Leprosaria) e na Albergaria do Corpo de Deus (Hospital) do nosso concelho. A salvaguarda e partilha dos mais de 2000 documentos antigos – desde o século XV até meados do século XX - é uma oportunidade única de lourinhanenses e académicos desvendarem factos inéditos e de grande relevância para a história local e nacional, bem como conhecer a história e o valor da nossa gente.
03-09-2020
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Dia Mundial do Coração
Dr. Luís Negrão
Como se preparar para as pandemias pós-pandemia: riscos para a saúde da visão
Dr. Raúl de Sousa
Hepatites crónicas e a importância do diagnóstico precoce
DR. Arsénio Santos
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o