Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Qual dos partidos vai perder mais deputados nesta eleição para o Parlamento Europeu?
PDR
PS
PSD
BE
CDS
CDU
Edição Nº 221 Director: Mário Lopes Domingo, 28 de Abril de 2019
Campanha do Laço Azul nasceu em 1989 nos Estados Unidos
Laço Humano com surfistas em Peniche quer sensibilizar contra maus-tratos a crianças
   
                                                Cartaz
Dia 30 de abril pelas 14h realiza-se na praia do Baleal na Capital da Onda, Peniche, um Laço Humano com surfistas. Trata-se de uma iniciativa solidária inserida no âmbito da campanha “Abril - Mês da Prevenção dos Maus Tratos na Infância“, da Comissão Nacional de Promoção dos Direitos e Proteção das Crianças, e que se realiza durante o mês de Abril de 2019.

   A tod@s @s participantes será oferecida uma tshirt azul, feito um laço humano azul, seguido de uma “surfada solidária”.

   A iniciativa de Peniche é organizada pela Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Peniche, com o apoio do Peniche Surfing Clube e da Surfrider Foundation Peniche.

   Acompanhe toda a atividade na página de Facebook.

     Utilize aos hastags #cpcjpeniche e #oquemefazfeliz em todas as suas publicações positivas nas redes sociais.

     Sobre o Laço Azul:

     A Campanha do Laço Azul, (Blue Ribbon), iniciou-se em 1989, na Virginia, E.U.A., quando uma avô, Bonnie W. Finney, amarrou uma fita azul à antena do seu carro "para fazer com que as pessoas se questionassem".

     A história que Bonnie Finney contou aos elementos da comunidade, que se revelaram "curiosos", foi trágica, uma vez que os seus netos tinham sido vítimas de maus-tratos físicos severos.

     E porquê azul? Porque, apesar do azul ser uma cor bonita, Bonnie Finney não queria esquecer os corpos batidos e cheios de nódoas negras dos seus dois netos. O azul, que simboliza a cor das lesões, servir-lhe-ia como um lembrete constante para a sua luta na proteção das crianças.

    Esta campanha, que começou como uma homenagem desta avó aos netos, expandiu-se a muitos países que, atualmente, utilizam as fitas azuis durante o mês de abril de forma a despertar consciências para esta problemática.

    As fitas azuis correspondem a uma iniciativa de sensibilização para a responsabilidade coletiva para a prevenção dos maus-tratos, contribuindo para a afirmação da prevenção da violência e promoção dos direitos humanos da criança.

A CPCJ somos tod@s nós!

                   Informação complementar:

    A CPCJ de Peniche encontra-se a dinamizar as seguintes ações no âmbito do Mês da Prevenção dos Maus Tratos na Infância - Abril 2019, sob o tema proposto pela Comissão Nacional, "Serei o que me deres... que seja Amor":

· atividades sobre o tema "o que me faz feliz", consistindo em cartazes a serem elaborados por alunos do pré escolar e 1º ciclo e programa de rádio a ser transmitido a partir das escolas, nos restantes ciclos;

· desafio a que sejam feitas partilhas associadas aos hastags #cpcjpeniche e #oquemefazfeliz;

· faixa na entrada da cidade e nas sedes dos agrupamentos escolares;

· distribuição de pulseiras, golas e t-shirts com o tema "Serei o que me deres... que seja Amor", a serem distribuídos no âmbito de atividades;

· laço humano com surfistas, na praia do Baleal, às 14h do dia 30 de abril, apelando-se à participação de todos, dado tratar-se de um desafio que a Comissão Nacional lançou o para que a sua realização seja em simultâneo no máximo de localidades.

     Para além das ações respeitantes ao mês de abril a CPCJ de Peniche encontra-se disponível para se associar aos acontecimentos que ocorram no concelho, mantendo presente o tema "o que me faz feliz" como determinante no trabalho de prevenção a desenvolver com todos os parceiros da comunidade.

     Durante os próximos dois anos irão desenvolver-se os esforços para a definição do Plano Local de Promoção e Proteção das Crianças e Jovens do conselho, aguardando-se a colaboração de todos para que o mesmo responda às necessidades sentidas pela comunidade.
 
     Fonte: PSC
28-04-2019
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o