Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Qual será o melhor presidente do PSD?
Rui Rio
Santana Lopes
Outro
Edição Nº 191 Director: Mário Lopes Quinta, 29 de Setembro de 2016
Município da Nazaré apresentou o projeto
Museu do Peixe Seco abre em dezembro
na Nazaré
  
                         Álvaro Manso e Walter Chicharro
Manter a identidade da Nazaré. Esse é o objetivo da criação do Museu do Peixe Seco, projeto que foi apresentado no dia 26 de setembro, no Centro Cultural da Nazaré. O investimento de 130 mil euros mais IV irá, segundo Walter Chicharro, “preservar a tradição, mas também dar uma dignidade diferente a uma atividade que é secular na Nazaré e que se espera venha a ajudar na captação de novos postos de trabalho”. Além da intervenção no areal, o município irá criar ainda nas traseiras do Centro Cultural um espaço para a lavagem e preparação do peixe.

   A sessão de apresentação do projeto Museu do Peixe Seco realizou-se no dia 26 de setembro, no Centro Cultural da Nazaré (antiga lota). Estiveram presentes José Maria Martins, carpinteiro que irá executar a obra; Carlos Filipe, técnico do município, Walter Chicharro, presidente da autarquia nazarena e o arquiteto Álvaro Manso, responsável pelo projeto.

   Na ocasião, Walter Chicharro referiu que “este é um passo fundamental para preservar algo que é para nós identitário” e que “o tridente Centro Cultural da Nazaré, Museu do Peixe Seco e a exposição de barcos no areal são o centro da Nazaré em termos de identidade e património”.

  
        

        José Maria Martins, Carlos Filipe, Walter Chicharro
                                               e Álvaro Manso
O projeto do Museu do Peixe prevê uma intervenção no areal, com a subida desta até à altura da calçada e a colocação de passadiços em volta dos estendais de secagem do peixe, o que permite ao visitante circular em volta dos vendedores de peixe seco. Segundo o arquiteto Álvaro Manso, a colocação do passadiço irá “criar uma moldura de proteção aos estendais do peixe seco”, além de que a subida do areal permite “facilitar a venda e a comunicação com os visitantes”.

  
                    Vendedoras de peixe seco presentes
Na ocasião, Walter Chicharro informou que a obra terá início a 3 de outubro e decorrerá nos meses de outubro, novembro e dezembro, estando a inauguração prevista para o final de dezembro. O autarca apelou aos vendedores de peixe que “tenham alguma paciência enquanto a obra decorre para depois terem melhores condições”.

   Segundo o autarca, o projeto teve a participação ativa dos vendedores de peixe seco, que comunicaram ao município os seus principais problemas. A decisão de criar infraestruturas de lavagem e preparação de peixe é, segundo Walter Chicharro, uma forma de “dar melhores condições aos vendedores, mas também de permitir que não haja preparação de peixe no areal, apenas a secagem”.

   Francelina Quinzico, uma das vendedoras de peixe seco, mostrou-se muito satisfeita com o projeto e adiantou que assim já “não vai ter vergonha” de mostrar como se prepara o peixe e de trazer as pessoas para junto do seu espaço. A vendedora garantiu que “o estandarte é essencial, mas a preparação do peixe ainda é mais”.

   Mónica Alexandre
29-09-2016
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Sobre o “historiador municipal” de Alcobaça, Fleming de Oliveira
Valdemar Rodrigues
A propósito da tragédia do pinhal de Leiria, 2017
José Marques Serralheiro
Carta Aberta ao Ministro da Agricultura
Vítor Graça
Poupança: Promoções e Vales de Desconto
Joana Parracho
Estima-se que 8 em cada 10 pessoas terão um episódio de lombalgia ao longo da sua vida
Dr. Manuel Tavares de Matos
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o