Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Leiria tem condições para ser Capital Europeia da Cultura?
Sim
Não
Não sei / talvez
Edição Nº 211 Director: Mário Lopes Quarta, 11 de Julho de 2018
Em parceria com o Instituto Cultural Romeno em Lisboa e a Associação romena “Os Forjadores”
Mosteiro da Batalha inaugura exposição "Sacrifício" do escultor romeno Mircea Roman
  
                             Cartaz
O Mosteiro da Batalha, em parceria com o Instituto Cultural Romeno em Lisboa e a Associação romena “Os Forjadores” inaugura no dia 14 de julho, às 17h30, a exposição "Sacrifício" do escultor romeno Mircea Roman. Até 28 de outubro de 2018, o claustro do Mosteiro da Batalha e todo o percurso até ao Panteão de Dom Duarte acolherão 11 grandes obras do artista romeno, incluindo um monumental tríptico imaginado como uma reverência perante o engenho e a fantasia dos construtores medievais. A exposição reúne interpretações esculturais livres que pretendem ser pendentes modernos para as famosas gárgulas espalhadas nas paredes externas do mosteiro.

   As personagens de Mircea Roman, que oscilam entre atitudes lúdicas e expressões dramáticas, têm uma atitude anti-gótica evidente, da mesma forma como o artista lida com a matéria, começando pela escolha das técnicas e acabando com as texturas resultantes. A abordagem de Mircea Roman concretiza-se numa exposição com argumentos plásticos cintilantes, bem no coração do monumento anfitrião.

   Mircea Roman licenciou-se pela Academia de Belas Artes "Ion Andreescu" de Cluj, em 1984. Venceu o Prémio de Escultura da Trienal de Osaka, o mais prestigioso prémio deste tipo no mundo inteiro. No ano seguinte, recebeu uma bolsa de estudo da Delfina Studio, que, por 14 anos o fez viver e criar em Londres (onde lhe foi colocado um trabalho monumental, O Homem-barco, nas margens do Tamisa). Mircea Roman representou a Roménia na Bienal de Veneza (1995) no âmbito de uma exposição coletiva, teve exposições pessoais em Bucareste, Londres (Centre Point Gallery ACAVA - 1998, Riverside Studios - 2000, Meunier - 2002 etc.) e suas obras encontram-se em prestigiadas coleções públicas e privadas na Europa, América e Ásia.

   Fonte: ICR
11-07-2018
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Pela Conclusão da IC3/A13
Tiago Carrão
Posição do CDS sobre os documentos previsionais do Municipio de Alcobaça para 2019
Carlos Bonifácio
A vacinação reduz o número de casos e de mortes por pneumonia
Dr. Vasco Barreto
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o