Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Qual será o melhor presidente do PSD?
Rui Rio
Santana Lopes
Outro
Edição Nº 203 Director: Mário Lopes Segunda, 11 de Setembro de 2017
Secretário-geral do PS apadrinhou candidatura socialista
Cidália Ferreira reivindica para o PS obra feita na Marinha Grande
  
             António Sales, António Costa e Cidália Ferreira
Quase mil pessoas estiveram presentes, este domingo, dia 10 de setembro, no pavilhão do Parque Municipal de Exposições, para apoiar Cidália Ferreira, circunstância a que também se associou o secretário-geral do PS e primeiro-ministro António Costa e grande parte das estruturas concelhias do PS do Distrito de Leiria.

   Para além da apresentação das ideias-chave do seu programa que foi disponibilizado neste dia, Cidália Ferreira enalteceu o trabalho que os autarcas do PS fizeram no concelho da Marinha Grande, lembrando, com efeito, Artur Neto Barros, Álvaro Órfão, Álvaro Pereira e Paulo Vicente e aquilo que já tem vindo a realizar, designadamente, o Pacto Territorial para o Emprego e a Carta Estratégica concelhia, dois decisivos instrumentos de estudo e de trabalho para projetar ainda mais o concelho na senda do progresso.

   Cidália Ferreira que pretende fazer dos afetos e da proximidade com as pessoas uma bandeira da sua atuação como presidente da Câmara, se for eleita, mereceu longos aplausos dos presentes num sinal claro de concordância com esta forma de atuar.

   A candidata sublinhou que o projeto de governação do PS “é um compromisso claro com o desenvolvimento da Marinha Grande em consonância com o que temos vindo a construir nestes últimos anos, apesar de todos os entraves e dificuldades que nos têm colocado. Porque eles podem muito bem ter sido um enorme «travão» na «bicicleta» da governação, mas nós nunca deixámos de «pedalar» e de fazer andar para a frente os projetos em que acreditamos.”

  
                                        Cidália Ferreira
Cidália Ferreira referiu uma série de projetos de iniciativa do PS, como a negociação com os Municípios da Região e a CCDR Centro, o Pacto para o Desenvolvimento Territorial 2014-2020 onde garantius mais de 3 milhões de euros em investimentos municipais, como o Centro Escolar, a requalificação da Escola Guilherme Stephens e o Centro de Saúde.

   A Revisão ao Plano Diretor Municipal e a candidatura ao Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano que hoje tem mais de 7 milhões de euros aprovados para projetos de regeneração urbana, mobilidade urbana sustentável e de intervenção junto das comunidades desfavorecidas, bem como a Carta Estratégica para o desenvolvimento do concelho, tendo a mesma sido feita com a participação alargada da sociedade foram outras três iniciativas que reivindica para o PS.

   Cidália Ferreira lembrou que a subscrição do Pacto Territorial para o Emprego e Desenvolvimento 2030 envolvendo os parceiros estratégicos como as Associações Empresariais, as Escolas, os Centros de Formação e de Investigação e a parceria com a OPEN, a CEFAMOL, o CENTIMFE e o IPL, que resultou numa candidatura aprovada de 1,5 milhões de euros para a requalificação e ampliação da Zona Industrial do Casal da Lebre foram iniciativa dos executivos socialistas da Marinha Grande.

   A candidata socialista reivindicou ainda todo o trabalho de preparação necessário para dotar a Câmara Municipal de todas as ferramentas, inclusive financeiras, necessárias para poder olhar o futuro com esperança e confiança e, por isso, recusa que a oposição possa tirar dividendos de todo este esforço e deste trabalho.

  
Aspeto geral do jantar-comício do PS no Pavilhão Municipal
                          de Exposições da Marinha Grande
Cidália Ferreira terminou com ironia pedindo ao secretário-geral do PS pasra fazer chegar ao primeiro-ministro “um pedido especial, para o nosso próximo mandato: O Museu da Floresta que há tantos anos está prometido, e consagrado na Lei, mas que tarda em ser instalado aqui na Marinha Grande. A Câmara Municipal estará sempre disponível para colaborar para esse fim. E com o Museu, um novo olhar sobre o nosso Pinhal do Rei e o seu Património, em particular, as Casas das Matas que estão abandonadas. Queremos recuperá-las, queremos aproveitá-las... porque a melhor forma de preservarmos e defendermos o Património, mesmo o Florestal, é usando-o, é ocupando-o.”

   Por sua vez, António Costa passou em revista os assuntos da governação, falou do crescimento da economia, da redução do deficit e da reposição de rendimentos como políticas nucleares do seu governo. Teve ainda oportunidade de enaltecer as qualidades pessoais e políticas da candidata do PS e as suas capacidades para gerar consensos e estabelecer pontes com o apoio e o reconhecimento quase unânime, dando como exemplo a circunstância invulgar de neste mandato a Marinha Grande ter tido dois presidentes de câmara a desempenhar funções e, ambos, estarem ali presentes para a apoiarem e reconhecerem os seus méritos.

   Fonte: PS
11-09-2017
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o