Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Leiria tem condições para ser Capital Europeia da Cultura?
Sim
Não
Não sei / talvez
Edição Nº 215 Director: Mário Lopes Segunda, 19 de Novembro de 2018
Aveiro, Castelo de Bode - Médio Tejo, Ílhavo, Murtosa, Oeste e Vagos
Federação europeia certifica Estações Náuticas do Centro de Portugal
  
       Entrega da certificação à Estação Náutica do Oeste
Seis estações náuticas localizadas no Centro de Portugal receberam, no dia 16 de novembro, Dia Nacional do Mar, a importante certificação Estação Náutica de Portugal. A certificação foi entregue durante o Business2Sea/Fórum do Mar, encontro de três dias que decorreu no Centro de Congressos da Alfândega do Porto.

   A partir de agora, as estações náuticas de Aveiro, Castelo de Bode - Médio Tejo, Ílhavo, Murtosa, Oeste (esta em vários núcleos) e Vagos estão certificadas de forma oficial, integrando uma rede nacional e internacional de oferta turística náutica de qualidade.

   As certificações foram entregues por António Nogueira Leite, presidente da Fórum Oceano - Associação da Economia do Mar; Ana Abrunhosa, presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro; e pelos vários desportistas, com títulos nacionais e internacionais, que assumiram o papel de embaixadores na área do desporto náutico.

   As estações náuticas são organizadas com base na valorização dos recursos náuticos presentes em cada território, os quais incluem a oferta de alojamento, restauração, atividades náuticas e outras atividades e serviços relevantes para a atração de visitantes. Ao estarem certificadas, asseguram aos visitantes a qualidade do produto turístico e dos serviços prestados, bem como apoio informativo e a reserva de alojamento e serviços.

   Apesar de serem maioritariamente destinos de costa, também nos territórios do interior existem condições ideais para a certificação de Estações Náuticas, como é o caso da albufeira de Castelo do Bode, na região Centro de Portugal.

 
Entrega da certificação à Estação Náutica de Castelo do Bode
                                       - Médio Tejo
  “O turismo náutico é um dos produtos em que o Centro de Portugal quer ser uma referência, a nível nacional e internacional. A costa atlântica de que a região dispõe, as suas albufeiras e os seus rios colocam-nos como destino privilegiado para quem procura este produto. A vela, o surf e o remo, entre outras atividades, atraem cada vez mais visitantes a estes territórios”, destaca Pedro Machado, presidente do Turismo Centro de Portugal.

   “O mercado do turismo náutico tem um enorme potencial e está a crescer na Europa na ordem dos 10 por cento ao ano. Além disso, é um produto particularmente interessante, não só porque a despesa diária deste segmento de turistas é elevado, mas também porque permite combater a sazonalidade e está associado a uma imagem de referência e qualidade. Não surpreende que em toda a Europa seja tão evidente a aposta em estruturas ligadas ao turismo náutico. Esta rede nacional de Estações Náuticas, das quais quase metade são no Centro de Portugal, é um investimento ganho à partida”, acrescenta.

   O Turismo Centro de Portugal é uma das entidades que integram o Grupo Dinamizador do Portugal Náutico, constituído no seguimento dos resultados do projeto Portugal Náutico desenvolvido pela Associação Empresarial de Portugal (AEP) e pela Fórum Oceano. A Fórum Oceano é, por sua vez, membro da Fedeton - Federação Europeia de Destinos Turísticos Náuticos, entidade gestora da rede internacional das estações náuticas.

   Este Grupo Dinamizador tem como objetivo dinamizar a fileira do turismo náutico em Portugal, sendo que uma das principais medidas é a promoção e certificação de Estações Náuticas. Além de integrar o Grupo Dinamizador, o Turismo Centro de Portugal tem lugar nos Conselhos das estações náuticas do seu território, agora certificadas.

   Na cerimónia de hoje, receberam a certificação 14 estações náuticas: seis do Centro de Portugal e oito do restante território nacional.

   Sobre o Turismo Centro de Portugal


   O Turismo Centro de Portugal é a entidade que estrutura e promove o turismo na Região Centro do país. Esta é a maior e mais diversificada área turística nacional, abrangendo 100 municípios, e tem registado um intenso crescimento da procura interna e externa. É a região a escolher para quem pretende experiências diversificadas, pois concilia locais Património da Humanidade com a melhor costa de surf da Europa, termas e spas idílicos, locais de culto de importância mundial e as mais belas aldeias.

   Fonte: TCP e AdC
19-11-2018
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Pela Conclusão da IC3/A13
Tiago Carrão
Posição do CDS sobre os documentos previsionais do Municipio de Alcobaça para 2019
Carlos Bonifácio
A vacinação reduz o número de casos e de mortes por pneumonia
Dr. Vasco Barreto
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o