Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Lei deve proibir parentes de serem membros do mesmo Governo?
Sim, sempre
Não, critério deve ser a competênca
Não, mas deve haver limites
Não sei / talvez
Edição Nº 218 Director: Mário Lopes Sábado, 12 de Janeiro de 2019
Polidesportivo Municipal da Lourinhã acolheu a iniciativa
Alunos receberam kits de educação ambiental para aumentar a reciclagem na Região Oeste
  
                         Autarcas do Oeste na primeira fila
A Comunidade Intermunicipal do Oeste, em parceria com a ERP Portugal e a Novo Verde, entregou, no dia 9 de janeiro, kits de educação ambiental a uma turma de cada um dos 12 municípios da Região Oeste. Este projeto entregará o total aproximado de 4000 kits a alunos do 4º ano de escolaridade da Região Oeste e faz parte do conjunto de iniciativas realizadas e previstas no âmbito do protocolo celebrado em 2018, em vigor até 2021.

   O Presidente da Câmara Municipal da Lourinhã deu início à cerimónia, num discurso onde reforçou a importância do trabalho desenvolvido pelas escolas "Para que os alunos cheguem a casa e imprimam na família a dinâmica da reciclagem e da economia circular. Desejo que, em conjunto, consigamos implementar a transformação que o planeta precisa".

   O presidente da OesteCIM salientou o facto de “este ser um kit que ensina não só como fazer a reciclagem, mas também a perceber e a conhecer a Região Oeste, que é hoje uma referência nacional e internacional."

   Ricardo Neto, presidente da Novo Verde, sublinhou o facto de “Portugal não estar a cumprir as metas de reciclagem de hoje”, e alertou que "as que estão para vir são brutais, sendo nos jovens que temos de depositar a nossa esperança".

   A cerimónia contou com a peça de teatro ‘Em busca do Depositrão perdido’ com vista à introdução e reforço de boas práticas, nomeadamente no que respeita à separação e reciclagem de resíduos.

   Este evento faz parte do Plano Integrado de Combate ao Insucesso Escolar – Aluno ao Centro e Oeste Circular, dinamizado pela OesteCIM.

   Sobre a ERP Portugal


  
      Alunos com os kits ambientais para a Região Oeste
A ERP Portugal pertence a uma plataforma pan-Europeia, European Recycling Platform (ERP), fundada em dezembro de 2002. Esta plataforma tem uma uota de mercado entre 12% e 35% e já recolheu mais de 3 milhões de toneladas de REEE (Resíduos de Equipamentos Elétricos e Eletrónicos) na Europa.

   A 27 de abril de 2006, através de um despacho conjunto emitido pelo Ministério da Economia e Inovação e pelo Ministério do Ambiente e Ordenamento o Território, obteve a licença para exercer a atividade de Gestão de REEE, tendo a mesma sido renovada a 25 de maio de 2018 (Despacho n.º 5258/2018).

   A licença para fazer a gestão de Resíduos de Pilhas e Acumuladores (RP&A) Portáteis e Industriais Incorporáveis em Equipamentos Elétricos e Eletrónicos (EEE) foi atribuída pelo Ministério do Ambiente e do Ordenamento do Território, em 2010, e renovada através do Despacho n.º 11275-A/2017. A ERP assume como missão assegurar a implementação mais rentável de um Sistema de Gestão de REEE e RP&A, para o benefício dos seus utentes e empresas, dando lugar a oportunidades de negócio e vantagens competitivas. A ERP já está a operar nos seguintes países: Alemanha, Áustria, Dinamarca, Eslováquia, Espanha, Finlândia, França, Holanda, Irlanda, Itália, Noruega, Polónia, Portugal, Reino Unido, Suécia e Israel.

   Mais informação em www.erp-recycling.pt ou www.facebook.com/erp.portugal

Sobre a Novo Verde

   A Novo Verde é uma sociedade gestora de resíduos, responsável pela recolha, valorização e/ou reciclagem de embalagens e resíduos de embalagens. A
Licença para exercer a sua atividade data de 25 de novembro de 2016 e foi atribuída pelos Gabinetes dos Secretários de Estado Adjunto e do Comércio e do Ambiente, através do Despacho nº 14202-D/2016. Com base na experiência consolidada em matéria de gestão de resíduos em Portugal e outros países, a Novo Verde amplia a oferta de serviços neste setor, promovendo a integração e envolvimento dos diferentes intervenientes, num sistema simples e transparente.

   A entidade introduziu o fator concorrência no mercado nacional de gestão de resíduos de embalagens, com vista à implementação de alternativas e métodos de trabalho eficazes para todos os agentes que fazem parte do sistema integrado da Novo Verde, nomeadamente: embaladores/importadores, fabricantes de embalagens e materiais de embalagem, distribuidores, operadores, sistemas de gestão de resíduos urbanos e
consumidores.

   Os objetivos nacionais de valorização e reciclagem de resíduos de embalagens correspondem ao previsto para 2011 no Decreto-Lei n.º 366-A/97, de 20 de dezembro, na sua redação atual, no PERSU 2020 e no Despacho n.º 7111/2015, de 29 de junho. A Novo Verde assume o compromisso de cumprir os objetivos de gestão dos resíduos de embalagens decorrentes de embalagens colocadas no território nacional, tendo como referencial a proporção equivalente ao peso das embalagens que lhe são declaradas.

   Mais informação em www.novoverde.pt

   Fonte: HK Strategies
12-01-2019
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
EDITORIAL
O Governo do descaso
Mário Lopes
OPINIÃO
A Hipoteca do Futuro pelos Foguetes do Presente
Tiago Carrão
O novo Programa Estratégico de Reabilitação Urbano (PERU)
Carlos Bonifácio
Mudar Alcobaça, mas para melhor
Luís Guerra Rosa
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o