Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
O PS merece ter maioria absoluta nas eleições legislativas?
Sim
Não
Não sei / talvez
Edição Nº 223 Director: Mário Lopes Quarta, 19 de Junho de 2019
Oposição entre a comunidade nazarena determinante para a decisão
Câmara da Nazaré decide anular concurso
para a construção da Zipline no promontório
     
                            Promontório da Nazaré
A Câmara Municipal da Nazaré decidiu terminar, no dia 17 de junho, o procedimento concursal que estava em curso, objetivando a instalação da referida estrutura, contrariando agora a posição sempre assumida pelo seu Presidente, Walter Chicharro, que em entrevista a um canal televisivo no passado Verão, defendia a instalação da Zipline no promontório como estrutura fundamental para o desenvolvimento estratégico da Nazaré. Apesar do projeto ter sido premiado este ano pelo Turismo de Portugal, o Executivo socialista admite que uma grande parte da comunidade nazarena estava contra a obra e optou por não avançar com o projeto polémico.

  O Grupo de Trabalho da CDU da Nazaré, congratula-se por, em conjunto com as populações, ter derrubado aquilo que se preparava para ser “um dos maiores atentados ao património natural no nosso país – a instalação de uma Zipline no promontório da Nazaré.”

   A contestação da CDU ao projeto contou, nomeadamente, com a presença de deputados nacionais e eurodeputados, “uma luta assumida por quem realmente quer ver a Nazaré preservada, por quem quer ver intacto o património natural que é de todos e por quem não permite, nem permitirá, que a pretexto de megalomanias sem sentido, se queira descaracterizar uma paisagem que não pertence, como é óbvio, a quem governa a Nazaré – pertence ao mundo – e o mundo defendê-la-á como se provou nos milhares de assinaturas constantes na Petição Digital e em papel provenientes das mais diversas latitudes.”

    O PCP e o PEV endereçam ainda “uma forte saudação a todos quantos lutaram por esta causa, principalmente ao Movimento Cívico Pela Defesa do Promontório da Nazaré, que serve de exemplo para muitas lutas que virão, porque os atentados não se ficam por aqui, basta olharmos para o areal da praia da Nazaré ou para o estado de abandono da parte “privatizada” da Pedralva, uma opção clara e assumida pelo PS que governa a Câmara Municipal da Nazaré.”

    A CDU salienta ainda “os enormes custos para o erário público com o desencadear deste processo, desde logo com os 25 mil euros para a elaboração do programa do concurso e caderno de encargos adjudicado a um escritório de advogados e mais 200 euros para pagamento de um Parecer”, admitindo ainda a hipótese da autarquia ter de pagar uma indemnização à única empresa candidata ao projeto.
19-06-2019
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o