Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Quem vai crescer mais nestas eleições autárquicas?
PS
PSD
CDU
CDS
BE
Independentes
Outros
Edição Nº 196 Director: Mário Lopes Sexta, 17 de Fevereiro de 2017
Devido ao interesse demonstrado pelos torrejanos
Câmara de Torres Novas alarga prazo de entrega de contribuições para o PEDU
 
                                                Logótipo 
A Câmara Municipal de Torres Novas decidiu alargar o prazo de entrega das contribuições da população para o Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) até à próxima quinta-feira, dia 23 de fevereiro. Os estudos prévios das intervenções aprovadas no âmbito do PEDU estão disponíveis para consulta pública no website www.pedu.cm-torresnovas.pt, onde as pessoas podem também submeter os seus contributos, podendo fazê-lo ainda através do preenchimento de um formulário em papel, disponível na receção da Câmara Municipal, da Biblioteca Municipal Gustavo Pinto Lopes, Piscinas Municipais Fernando Cunha e StartUp Torres Novas.

   O interesse demonstrado pela população em contribuir com ideias para a cidade de Torres Novas levou o executivo a prolongar o período de participação por mais uma semana, conforme afirma Pedro Ferreira, presidente da autarquia: “Todos os dias temos recebido contributos, sinal de que as pessoas se interessam pela cidade, e tendo em conta que esta é a primeira vez que os torrejanos têm oportunidade de intervir nos projetos que vamos desenvolver, queremos dar mais tempo para que quem ainda não teve oportunidade de contribuir o possa fazer”.

   O PEDU apresentado estabelece as principais orientações estratégicas, em coerência com a Estratégia Integrada de Desenvolvimento Territorial, colmatando os principais problemas e potenciando o respetivo território de forma a enfrentar os desafios económicos, ambientais, demográficos e sociais das zonas urbanas. O investimento total no centro histórico da cidade é de 7.378.412 de euros até 2020, com a Câmara Municipal de Torres Novas a comparticipar em 15%, e os restantes 85% a resultar do Fundo FEDER.

   Fonte: Taylor
17-02-2017
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
EDITORIAL
Obama,the troubleshouter. Trump, the troublemaker
Mário Lopes
OPINIÃO
As pedras não nos traem
Jorge Mangorrinha
"Um Oeste para Jovens?"
Gonçalo Silva
Alzheimer e outras demências: como lidar com as alterações cognitivas e comportamentais
Drª Margarida Rebolo
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o