Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Concorda com a proposta do PS de quotas para negros e ciganos nas universidades?
Sim
Não
Não sei / talvez
Edição Nº 123 Director: Mário Lopes Sábado, 22 de Janeiro de 2011
Secretário de Estado Florestas e Desenvolvimento Rural participou em sessão de trabalho em S. Bento
Câmaras de Porto de Mós e Alcanena apresentam estratégia integrada para área do Parque Natural
   Rui Barreiro, secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural, esteve presente, no dia 20 de Janeiro, numa sessão de trabalho sob o mote “Estratégia de Desenvolvimento do Património Natural, no âmbito da Biodiversidade, do Parque Natural da Serra de Aire e Candeeiros”, em S. Bento, Porto de Mós, juntamente com várias entidades ligadas a esta temática - ICNB, Direcção Geral de Veterinária, Comité Nacional do Leite, Governo Civil de Leiria e de Santarém, Juntas de Freguesia e Associações pertencentes ao Parque Nacional das Serras de Aire e Candeeiros. A reunião foi organizada pela Câmara Municipal de Porto de Mós e pela Câmara Municipal de Alcanena, com o objectivo de apresentar uma estratégia de desenvolvimento integrado nas áreas da agricultura, pastorícia, produção animal, ambiente, economia e turismo, com vista ao crescimento da região.

   Após a apresentação da estratégia, os trabalhos seguiram com a visita às áreas de intervenção, nomeadamente, à Queijaria “ Agro Ferreira & Valente, Lda.”, sediada em S. Bento e à Queijaria “ Lacticínios Santos Costa Lda.”, localizada na Serra de Santo António.~

   Até agora, esta é uma ideia apenas embrionária mas da qual já se conseguiram frutos. Uma equipa técnica será organizada e ficará responsável pela elaboração de um plano de actuação concreto e escrito, pela definição das questões protocolares e angariação de entidades colaboradoras, numa primeira fase, que deverá ser apresentada numa nova sessão de trabalho a acontecer dentro de pouco tempo.
   O principal objectivo do projecto é a implementação de uma gestão estratégica integrada que assenta na formação de uma entidade que seja mediadora e um auxiliar, a diferentes níveis, junto das áreas produtivas referidas. Segundo um dos oradores “a busca pela sustentabilidade, ou viabilidade económica, social e ambiental no longo prazo, é a nossa meta”.
   Fonte: Gabinete de Comunicação do Município de Porto de Mós
22-01-2011
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
EDITORIAL
Notas da campanha
Mário Lopes
OPINIÃO
Um Candidato a Presidente da República e Dois Candidatos à Segunda Volta
Jorge Esteves de Carvalho
Cavaco Silva: uma candidatura por Portugal
Paulo Batista Santos
Com Fernando Nobre a Presidente, Portugal será Diferente
Henrique Pinto
A candidatura de Francisco Lopes
Ricardo Miguel
Apoiar Manuel Alegre: Uma questão de dignidade e coerência
José Peixoto
A Carne do Bacalhau é Amarelada
Valdemar Rodrigues
Inauguração da Casa da Cultura de Mira de Aire: uma prioridade ou um elefante branco?
Por Aires de Miro
O Turismo no actual contexto económico
David Catarino
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o