Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Quem vai crescer mais nestas eleições autárquicas?
PS
PSD
CDU
CDS
BE
Independentes
Outros
Edição Nº 196 Director: Mário Lopes Domingo, 12 de Fevereiro de 2017
De 24 de fevereiro a 1 de março
Carnaval de Torres Vedras 2017 promete ser
um caso sério de brincadeira
  
                               Carnaval de Torres Vedras
Em Torres Vedras está tudo a postos para a realização do “Carnaval mais português de Portugal”. De 24 de fevereiro a 1 de março, a cidade vai fervilhar com tanta folia. “Brinquedos e Brincadeiras” é o tema de 2017 deste Carnaval, onde se esperam cerca de 350 mil pessoas. Corso escolar, corsos diurnos e corsos noturnos; carros alegóricos de grandes dimensões; grupos de mascarados; matrafonas; Zés Pereiras; cabeçudos; muita música… tudo boas razões para visitar o único Carnaval do país onde todos fazem a festa, onde todos são atores! Entre “brinquedos e brincadeiras”, em Torres Vedras o Carnaval é um caso sério de criatividade, espontaneidade e sátira política e social.

   Sexta-feira, 24 de fevereiro, arranca cedo, às 09h30, com a realização do tradicional Corso Escolar, no qual participarão cerca de 7200 alunos, acompanhados por 950 auxiliares e professores, de 78 estabelecimentos de ensino do concelho de Torres Vedras. Este é um dos corsos mais concorridos do Carnaval, com toda a família a querer assistir ao desfile destas pequenas grandes figuras. Com música no pé e uma alegria contagiante, as crianças torrienses mostram com orgulho o trabalho que realizaram na escola e mostram que é de pequenino que se “entranha o bichinho”.

   A cerimónia de entronização de Suas Altezas Reais, os Reis do Carnaval de Torres Vedras, acontece a partir das 22h30, com partida da Estação de Comboios, cortejo pelo centro da cidade e entronização na Avenida 5 de Outubro, em frente ao edifício da Câmara Municipal. Trata-se de um momento solene, de forte sátira, em que Dom Troikado Chamuçado da Bela Geringonça e Dona Klintoriana Emproada Emborrachada receberão as Chaves da Cidade, das mãos do presidente da Câmara Municipal. A partir de então, os destinos de Torres Vedras ficam na mão de Suas Altezas Reais, pessoas muito conhecidas na terra que se distinguem por serem grandes foliões e sempre dois homens por tradição (Ricardo Miranda (rei), e Ricardo Rodrigues (rainha)).
A animação prossegue noite dentro, com a loucura habitual que só conhece quem por cá passa. A partir das 22h30 há Dj nos palcos da Praça Machado Santos e na Praça Sagres (Jardins de Santiago).

   Sábado, 25 de fevereiro, traz-nos o corso noturno e a realização do Concurso dos Grupos de Mascarados, a partir das 21h00. Um salutar convívio entre cerca de 2 mil mascarados, de mais de 40 grupos, que vão preencher o perímetro do corso e mostrar que, a criatividade aliada à sátira social e política, são o que torna o Carnaval de Torres único e diferente. Quem vence o concurso não é importante, o importante é esta agradável “brincadeira”. O Tó’Candar, aquele carro carregado de colunas e com uma banda que toca ao vivo, também sai à rua, fazendo com que a multidão o acompanhe no percurso e dance noite dentro.

   Depois do corso há a noite do Carnaval de Torres… aquela que nunca acaba. DJ Carnaval no palco da Praça Machado Santos, Praça Sagres e Mercado Municipal.

   Família que gosta de “brinquedos e muita brincadeira” vai ao corso diurno de domingo, 26 de fevereiro, a partir das 14h30. Esta é a ocasião para se divertir com os mais novos e perceber porque é que em Torres Vedras todos fazem parte deste Carnaval. Aqui terá a oportunidade para admirar o notável trabalho de artistas plásticos locais nos carros alegóricos e perder-se com os grupos de mascarados, as bandas de música, os cabeçudos, Zés Pereiras, serpentinas e os tradicionais “cocotes”.

   O ideal seria “sentir a vibração” do Carnaval de Torres in loco, mas no caso de estar longe pode assistir ao programa da TVI “Somos Portugal”, em direto do corso de domingo, das 12h30 às 13h00 e das 14h00 às 20h00.

   Todas as noites há palcos com Dj a animar os foliões e o domingo não será exceção.

Segunda-feira, 27 de fevereiro, vem demonstrar que não há idade para se entrar na folia. A partir das 14h30, mais de 800 seniores vão divertir-se na realização do Baile de Máscaras Tradição, na Expotorres. É absolutamente surpreendente verificar a energia destes foliões.

   Já a partir das 21h00, terá lugar o Corso Trapalhão que é o que o nome indica. Só terá de vir mascarado ou disfarçado. Neste corso ninguém se preocupa com o “parecer”, basta “ser”. Tirar uns trapinhos velhos do baú e vir para o Carnaval de Torres Vedras faz parte da tradição. Talvez por isso, esta seja a noite da “matrafona” por excelência, com direito a concurso a partir das 23h00. A “matrafona”, típica do Carnaval de Torres, não é mais do que um homem vestido de mulher. É que antigamente, quando os homens trabalhavam a terra e as mulheres não podiam sair de casa para se divertir, o mais fácil e prático para mascarar era vestir a roupa da senhora. Assim nasceram as “matrafonas”.
Junte-se aos milhares que fazem deste corso uma verdadeira trapalhada!

T   erça-feira, 28 de fevereiro, regressamos a partir das 14h30 ao Corso Diurno, com toda a habitual animação. Este é o dia em que os Torrienses vivem “em pleno” o seu Carnaval. Dá-se tudo o que ainda se tem, descarrega-se por completo a bateria… afinal este é o último dia do Carnaval.

1 de março, quarta-feira, acaba-se a brincadeira. A partir das 21h00, realiza-se o Enterro do Entrudo, com aquele ambiente pesaroso e bem carpido que a todos relembra que Carnaval… só para o ano!

Que venham todos ao Carnaval mais português de Portugal porque a vida são dois dias… e o Carnaval de Torres são 6!
De 24 de fevereiro a 1 de março entre também nesta grande brincadeira.


















12-02-2017
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
EDITORIAL
Obama,the troubleshouter. Trump, the troublemaker
Mário Lopes
OPINIÃO
As pedras não nos traem
Jorge Mangorrinha
"Um Oeste para Jovens?"
Gonçalo Silva
Alzheimer e outras demências: como lidar com as alterações cognitivas e comportamentais
Drª Margarida Rebolo
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o