Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Qual será o melhor presidente do PSD?
Rui Rio
Santana Lopes
Outro
Edição Nº 204 Director: Mário Lopes Quarta, 11 de Outubro de 2017
Vaga de fundo deu vitória a movimento independente de cidadãos
Henrique Bertino disponível para alianças pós-eleitorais na Câmara de Peniche
  
                           Henrique Bertino
A candidatura do GCECP – Grupo de Cidadãos Eleitores do Concelho de Peniche, liderada pelo ainda presidente da Junta de Freguesia de Peniche, ganhou no dia 1 de outubro as eleições à Câmara Municipal de Peniche, interrompendo assim 12 anos de governação CDU. Henrique Bertino ganhou com maioria relativa obtendo 31% dos votos (3 mandatos), seguindo-se o PSD com 28,98% dos votos (2 mandatos), o PS com 18,73% (1 mandato) e a CDU com 15,10% (1 mandato). Embora eleito pela CDU, Henrique Bertino não se reviu no programa eleitoral da coligação PCP-PEV para estas eleições e, já “inconformado pelos últimos 4 anos” de governação municipal, decidiu candidatar-se como independente causando assim rara divisão no eleitorado da CDU.

   Em declarações ao Tinta Fresca, Henrique Bertino revelou que vê esta vitória como “um desejo grande de mudança de grande parte da população” e “de esperança que as coisas mudem em Peniche”. Segundo o presidente eleito do município de Peniche, “as pessoas acreditaram e reveem-se na nossa mensagem” porque “temos um discurso diferente e apesar das dificuldades que iremos encontrar estamos determinados e convictos de que faremos um bom trabalho”.

   Henrique Bertino justificou a sua candidatura como independente por não se rever no programa da CDU para o mandato 2017-2021 e estar inconformado pelos últimos quatro anos” de governação de António José Correia e “tendo o apoio de grande parte da população que insistiu em que me candidatasse entendi que essa seria a decisão certa a tomar”.

   Questionado sobre a hipótese da maioria relativa GCECP ser insuficiente para governar o concelho de Peniche, Henrique Bertino admitiuu que “estamos em conversações com todos os partidos. Já conversámos com o PSD e iremos conversar também com o PS e com a CDU”, adiantando que para que possa haver algum tipo de coligação “estão em cima da mesa questões como a atribuição de pelouros, a atribuição da presidência dos Serviços Municipalizados e da Mesa da Assembleia Municipal”.

   De qualquer forma, “independentemente das conversações não tenho receio de governar em minoria, sabemos o que estamos a fazer e queremos governar o melhor possível”, adiantou o novo presidente da Câmara Municipal de Peniche,

   A tomada de posse do novo executivo municipal de Peniche está marcada para o dia 20 de outubro, pelas 21 horas no Auditório Cultural de Peniche.

   Mónica Alexandre
11-10-2017
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
O Deselegante Declínio da Autoridade Administrativa
Sérgio Martinho
O declíno acentuado das funções executivas podem ser indicadores de doença
Drª Luísa Lagarto
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o