Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Tenciona ir ver o Papa Francisco em Fátima nos dias 12 e 13 de maio?
Sim
Não
Não sei / talvez
Edição Nº 196 Director: Mário Lopes Sexta, 3 de Fevereiro de 2017
Dia Mundial das Zonas Húmidas celebra-se a 2 de fevereiro
Quercus pede maior compromisso ao Governo na proteção das Zonas Húmidas
 
                     Paul do Boquilobo
A Quercus lembra ao Governo no Dia Mundial das Zonas Húmidas, 2 de fevereiro, a importância destes ecossistemas para a manutenção da Vida Selvagem e para a própria sobrevivência do Homem. As zonas húmidas são ecossistemas muito sensíveis que apesar de todos os alertas, continuam fortemente ameaçadas pela poluição, construção, agricultura intensiva, abandono, caça ilegal, entre outros fatores.

   Em Portugal, na sequência da ratificação da Convenção sobre Zonas Húmidas (Ramsar), estão incluídas na Lista de Zonas Húmidas de Importância Internacional, segundo o ICNF , 31 sítios que perfazem um total de 132.487,7 hectares de território, encontrando-se a maioria (96%) integrada em zonas protegidas. 13 destes locais estão registados nas ilhas dos Açores com uma área total de 15104,7ha (11%) e Portugal continental conta com 117383ha (89%).

   Alguns destes sítios Ramsar, nomeadamente a Ria Formosa e o Estuário do Tejo , embora legislados como protegidos pela Convenção, na prática estão abandonados e servem para aterros, drenagem por fecho das entradas de água, e também às descargas de águas pluviais e esgotos que levam ao aparecimento de mosquitos.

   A Quercus espera que os riscos reais à conservação destes ecossistemas sejam devidamente avaliados e exige ao Governo um maior compromisso na proteção dos mesmos de modo a que os valores naturais, a integridade e as funções ambientais das zonas húmidas classificadas não sejam postas em causa.

   Para assinalar a data e sensibilizar a população, a Quercus juntou-se a várias entidades na organização de um Seminário em Olhão que tem como tema principal “Poluição e Ameaças Invisíveis”. Mais informação pode ser consultada em www.quercus.pt
03-02-2017
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
EDITORIAL
Obama,the troubleshouter. Trump, the troublemaker
Mário Lopes
OPINIÃO
As pedras não nos traem
Jorge Mangorrinha
"Um Oeste para Jovens?"
Gonçalo Silva
Alzheimer e outras demências: como lidar com as alterações cognitivas e comportamentais
Drª Margarida Rebolo
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o