Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Quem foi o principal vencedor das eleições para o Parlamento Europeu?
PS
Bloco de Esquerda
PAN
Outro
Edição Nº 218 Director: Mário Lopes Sexta, 11 de Janeiro de 2019
Pedro Magalhães Ribeiro está preocupado com os cuidados de saúde primários no concelho
Presidente da Câmara Municipal do Cartaxo pede audiência à ministra da Saúde
  
              Pedro Magalhães Ribeiro
O presidente da Câmara Municipal do Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro, endereçou um pedido de audiência à Ministra da Saúde, com caráter de urgência, para dar conta das preocupações da autarquia com os cuidados de saúde primários no concelho. O autarca afirma “a nossa firmeza na reivindicação de soluções é tão profunda, quanto a nossa disponibilidade para trabalhar com a administração central”, tal como, “já fizemos no passado, chamando à Câmara Municipal, responsabilidades que cabiam ao Ministério da Saúde para resolver problemas que se arrastavam há demasiado tempo”.

   O autarca reforça a necessidade “imperiosa, de que os utentes do concelho possam aceder, em igualdade de circunstâncias, a cuidados de saúde”, num concelho que conta com quase cinco mil utentes sem médico de família.

Por outro lado, as diferenças de acesso a médico de família “entre as unidades de saúde familiar e a unidade de cuidados de saúde personalizados, criam desigualdades que urge resolver”, tal como a autarquia tem reforçado “quer em visitas de membros do executivo às instalações destas unidades, quer em reuniões de trabalho com o Diretor Executivo do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Lezíria”.

   No pedido de audiência, o presidente da Câmara lembra que a autarquia assumiu as obras e investiu cerca de 36 mil euros para impedir o encerramento da Extensão de Saúde de Valada, que integra a Unidade de Saúde Familiar (USF) D. Sancho I. A manutenção deste serviço de saúde de proximidade “assume caráter especialmente importante para a população de uma freguesia isolada devido à distância geográfica, à carência de transportes públicos e ao envelhecimento da população, na sua maioria, pessoas com uma situação socioeconómica frágil”.

   No que se refere à USF D. Sancho I, o autarca destaca a necessidade de intervenções de manutenção e melhoria das infraestruturas, “designadamente, a premência de pinturas gerais, reforço de isolamentos e de reparação de áreas do pavimento”, para que as condições para utentes e profissionais, se possam manter.

   Já a preocupação da autarquia com a falta de médicos de família, centra-se na UCSP (que partilha as instalações com a USF Cartaxo Terra Viva), já que a USF D. Sancho I, com sede em Pontével e 11 255 utentes, é uma USF de Modelo B, o que permite incentivos de produtividade que “alavancam o seu funcionamento e permitem níveis de resposta que satisfazem a generalidade dos utentes”.

   No Cartaxo, a USF Cartaxo Terra Viva e a Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados (UCSP), partilham instalações mas apresentam desigualdade no quadro de pessoal médico – enquanto a USF, com 9 258 utentes inscritos, tinha, em 31 de dezembro de 2018, cobertura total de médico de família, já a USCP, apresentava 4 954 utentes sem médico de família, para um total de 4 987 utentes inscritos, sendo que esta unidade conta com três médicos, um dos quais em situação de prestação de serviços e outro em situação de doença prolongada.
 
   Fonte: GCICMC
11-01-2019
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
EDITORIAL
O Governo do descaso
Mário Lopes
OPINIÃO
A Hipoteca do Futuro pelos Foguetes do Presente
Tiago Carrão
O novo Programa Estratégico de Reabilitação Urbano (PERU)
Carlos Bonifácio
Mudar Alcobaça, mas para melhor
Luís Guerra Rosa
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o