Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Lei deve proibir parentes de serem membros do mesmo Governo?
Sim, sempre
Não, critério deve ser a competênca
Não, mas deve haver limites
Não sei / talvez
Edição Nº 174 Director: Mário Lopes Segunda, 13 de Abril de 2015
Maçã de Alcobaça atrai empresários agrícolas
Agricultores de Alcobaça esgotam stocks
de macieiras nos viveiros da região
  
                    Colheita da Maçã de Alcobaça
Os agricultores da região de Alcobaça plantaram mais hectares de macieiras nos últimos três anos que nas últimas décadas, revelou o presidente da Associação de Produtores da Maçã de Alcobaça, no dia 9 de abril, durante a apresentação do Projeto Estratégico de Desenvolvimento de Alcobaça. A elevada procura de macieiras levou mesmo ao esgotamento de todo o stock existente nos viveiros da região e foi necessário recorrer à importação de França para satisfazer os interessados.

   Jorge Soares justificou esta febre pela produção de Maçã de Alcobaça por os agricultores locais acreditarem que se trata do novo “el dorado” da agricultura do Oeste, com escoamento e preço garantidos. Contudo, Jorge Soares mostra-se preocupado com o aumento significativo da produção de Maçã de Alcobaça nos próximos anos, alertando ser necessário encontrar novos mercados para escoar toda a produção.

   Para já, com o fecho do mercado russo aos produtos agrícolas europeus, Jorge Soares mostrou-se satisfeito por a Maçã de Alcobaça ter acompanhado com sucesso a penetração da Pera Rocha do Oeste em mercados do Médio Oriente.

   O empresário defendeu também a necessidade de represar água no inverno para poder ser usado na rega dos pomares durante o verão, lembrando que 85% da maçã é composta por água. Jorge Soares garantiu que a água da chuva que é devolvida ao mar, se fosse toda armazenada, seria suficiente para regar o triplo dos hectares de macieiras que existem atualmente no concelho de Alcobaça.

   A área geográfica de produção (produção, preparação e acondicionamento) está circunscrita aos concelhos de Alcobaça, Nazaré, Caldas da Rainha, Óbidos e Porto de Mós e estende-se por 26 488 hectares.

   Variedades da Maçã de Alcobaça


Royal Gala - polpa fina, doce, pouco acidulada e perfumada;
Delicious - polpa branca creme, fina, consistente, sucosa, doce, aromática (ananás), pouco acidulada, muito agradável;
Jonagold - polpa muito consistente, sucosa, agridoce, perfumada, de muito boa qualidade gustativa após a colheita;
Fuji - polpa branca esverdeada, fina, tenra, sucosa, muito açucarada mas pouco acidulada e pouco perfumada;
Casa Nova de Alcobaça - polpa branca, por vezes com laivos carmim, macia, pouco consistente, doce, acidulada, com sabor característico agradável e tendência para o farinhamento;
Golden Delicious - polpa fina, sucosa, consistente, agradavelmente acidulada, perfeitamente equilibrada e agradavelmente perfumada;
Granny Smith - polpa branca, fina, consistente, muito sucosa, pouco doce, acidulada, discretamente aromática e farinhosa quando madura;
Reineta Parda - polpa sucosa, acidulada, doce, agradavelmente perfumada.

   Mário Lopes
13-04-2015
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o