Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Quem é o melhor candidato presidencial?
Ana Gomes
André Ventura
João Ferreira
Marcelo Rebelo de Sousa
Marisa Matias
Tiago Mayan Gonçalves
Edição Nº 238 Director: Mário Lopes Segunda, 16 de Novembro de 2020
“Descentralizar a Cultura – De cá para lá” e a construção de um espaço museológico em Boa Vista
Orçamento Participativo 2020/2021 de Leiria já tem propostas vencedoras
   
      Paços do Concelho de Leiria
“Descentralizar a Cultura – De cá para lá” e a construção de um espaço museológico em Boa Vista foram as propostas mais votadas nas categorias “Verde ou Imaterial” e “Material” da edição deste ano do Orçamento Participativo, que contou com um total de 2.122 votos.

   Na tipologia “Verde ou Imaterial”, o primeiro lugar foi alcançado com 660 votos, tendo sido ainda selecionadas para execução as candidaturas “Uma biblioteca para a Comunidade” e a colocação de ilhas ecológicas na Urbanização de Santa Clara, com 475 e 103 votos, respetivamente.

   Na última posição ficou a proposta de colocação de painéis fotovoltaicos em edifícios municipais, que recebeu a preferência de 55 cidadãos registados na plataforma do Orçamento Participativo.

   Para além da construção de um espaço museológico em Boa Vista, que recebeu 593 votos, o parque infantil de Monte Real será também executado, com 236 votos, no âmbito da categoria “Material”.

   De acordo com as fichas de projeto e os orçamentos apresentados, serão aplicados 373.850,68 euros dos 561.141,16 disponibilizados para este Orçamento Participativo, sendo o remanescente transitado para a edição do próximo ano.

   Neste Orçamento Participativo, foram seis as propostas submetidas a votação, numa edição que apresentou como novidade a existência de áreas temáticas: “Verde ou Imaterial”, “Material” e “Jovem”, sendo que, para esta última, não concorreu qualquer ideia após avaliação do júri.

   O Orçamento Participativo tem como objetivos promover a participação informada, ativa e construtiva dos cidadãos e incentivar o diálogo entre os munícipes e os eleitos locais, bem como adequar as políticas públicas municipais às necessidades e expectativas da população.

    Pretende-se ainda contribuir para uma sociedade civil dinâmica e coesa e também aumentar a transparência da atividade autárquica.
 
    Fonte: GRPG|CML
16-11-2020
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Fui ao teatro e ELAS encheram a sala!
Rui Alexandre
Proteja-se da COVID-19. Proteja-se da pneumonia
Dr. Paulo Paixão
Iluminação do Parque Verde, passadiços na Baia de S. Martinho do Porto e lotes para habitação
Carlos Bonifácio
Viver com a demência em tempos de COVID: conselhos para quem cuida
Teresa Castanho
Diabetes: um inimigo silencioso
Dr. Manuel Portela
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o