Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
De momento não existem Sondagens activas.
Ver Sondagens Anteriores
Edição Nº 223 Director: Mário Lopes Terça, 25 de Junho de 2019
Estrada continua interditada ao trânsito
PEV considera Inaceitável resposta do Governo sobre a Estrada Nacional 114
     
          Deputado José Luís Ferreira
Passados quase 5 anos da derrocada que cortou a estrada e quase 9 meses depois da obra concluída, a estrada nacional 114 continua encerrada, continuando a causar graves prejuízos à economia da região e pesados constrangimentos à vida dos cidadãos que vivem e trabalham nesta região e têm que se deslocar por motivos profissionais, académicos ou pessoais entre as duas margens, situação que levou a que Os Verdes, através do seu Grupo Parlamentar, questionassem o Governo.

    Rececionada que foi a resposta do Governo às perguntas colocadas, o PEV conclui que esta situação acontece por culpas do Ministério das Infraestruturas e da Habitação, da Infraestruturas de Portugal(IP) e da Câmara Municipal de Santarém por não se terem entendido previamente à conclusão , ou até no seu início, da obra de reforço da encosta de St.ª Margarida, quanto à responsabilidade de pagamento e execução, no sentido de obra incluir, ou ser de imediato seguida da, instalação dos inclinómetros fundamentais para continuar a monitorizar a segurança da mesma.

    O PEV considera totalmente inaceitável e um desrespeito pelas pessoas, que diariamente têm que circular entre Santarém e os concelhos da margem Sul (Almeirim, Alpiarça, Chamusca, etc), que o governo , perante todos estes atrasos, se limite a responder com termos como “brevemente”, “de imediato” sem mais concretizar, mormente quando a resposta ao PEV é dada em junho e o contrato de instalação dos inclinómetros foi já celebrado em Março!

    "Impunha-se que dissessem se estão a ser instalados ou já foram instalados os inclinómetros ou se a obra já foi recebida (ou no mínimo, qual o prazo contratual de execução dessa obra), quanto tempo decorrerá entre a sua instalação e a sua leitura, quem pagará ao LNEC a sua leitura, e quanto tempo demorará (previsivelmente) a dar o seu parecer", conclui o PEV.

Fonte: GP|PEV
25-06-2019
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
O POOC e os excessos de alarmismo!!
Carlos Bonifácio
Ex-fumadores: vencedores incontestáveis
Dr. Alfredo Martins
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o