Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Os suspeitos de violência doméstica devem aguardar julgamento em prisão preventiva?
Sim
Não
Não sei / talvez
Edição Nº 218 Director: Mário Lopes Terça, 1 de Janeiro de 2019
Expensive Soul foram cabeça de cartaz
Nazaré recebe Novo Ano com fogo de artifício
e música
  
         Fogo de artifício encheu de luz a praia da Nazaré
A Nazaré recebeu o Novo Ano com fogo de artifício e música. A festa de rua fez-se por toda a marginal, com milhares de pessoas a circular entre os palcos, e a contemplarem, à meia-noite, mais um grande espetáculo de fogo-de-artifício.

   Vários Dj animaram a noite nazarena, que teve início com o concerto da Banda Magma. A multidão de milhares de pessoas respondeu ao convite para estar presente em três dias de festejos de despedida de 2018 e boas vindas a 2019, junto ao mar.

   Os Expensive Soul tocaram no dia 30 e proporcionaram uma “noite especial” à multidão que se juntou para celebrar o fim de ano na Nazaré. O segundo concerto do evento Passagem de Ano do Município serviu, também, para a banda, formada em 1999, “comemorar a discografia com as pessoas e fazer uma pré-celebração dos nossos 20 anos de existência”.

   “Viemos para entreter, e é muito bom poder partilhar isto com as pessoas, neste cenário. Não é em qualquer sítio que podemos tocamos na praia e celebrar este evento junto do mar”, disseram Tiago Novo (New Max) e António Condo MC (DEMO).

  
                    Zona do palco na Marginal da Nazaré
A festa da Passagem de Ano na Nazaré teve início no dia 29 com o concerto de Rosinha. A artista, com os seus indispensáveis adereços (óculos e o acordeão) e a sua boa disposição, subiu ao palco perto das 23h00, e pôs a multidão a cantar todos os seus temas musicais. A atuar pela primeira vez na Nazaré, Rosinha confessa que a vila faz parte do seu roteiro de visita: "De passeio, de vez em quando, visito a Nazaré".

   O evento foi organizado pela Câmara Municipal. A dinamização da economia local foi uma das principais preocupações. “A diferenciação do modelo da Passagem de Ano, com concertos antes do dia 31, pretende contribuir para o aumento do tempo médio de estada dos que nos visitam nesta época”, diz Walter Chicharro, presidente da Câmara Municipal.
 
   Fonte: SML|GC|CMN
01-01-2019
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
EDITORIAL
O Governo do descaso
Mário Lopes
OPINIÃO
Mudar Alcobaça, mas para melhor
Luís Guerra Rosa
A Hipoteca do Futuro pelos Foguetes do Presente
Tiago Carrão
O novo Programa Estratégico de Reabilitação Urbano (PERU)
Carlos Bonifácio
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o