Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
A Linha do Oeste deve ser requalificada?
Até Caldas da Rainha
Até Leiria
Em toda a extensão
Não
Não sei / talvez
Edição Nº 210 Director: Mário Lopes Terça, 29 de Maio de 2018
Duas escolas do concelho de Ourém vão ter 508 alunos em estágio
Escolas Insignare colocam 46 estudantes
em estágio em oito cidades europeias
  
        Mapa de colocações das escolas Insignare em 2018
No início do mês de junho, 317 alunos dos 2º e 3º anos das Escolas INSIGNARE, Escola Profissional de Ourém (EPO) e Escola de Hotelaria de Fátima (EHF), encontrar-se-ão a frequentar os seus estágios. Destes, 46 irão para 8 destinos Europeus: Reino Unido (Belfast, Glasgow), Espanha (Barcelona, Bilbao, San Sebastian), Itália (Foligno, Forli) e França (Bordéus) e os restantes em diversas empresas de Norte a Sul do País. No mês de julho iniciam-se os estágios dos alunos de 1º ano, iniciando o seu primeiro contacto com o mercado de trabalho 191 alunos de ambas as Escolas.

   Assim, este ano letivo, a EPO terá colocado em Estágio, 239 alunos nas áreas de Metalomecânica, Mecatrónica Automóvel, Informática, Gestão, Frio e Climatização, Design e Eletrónica Automação e Comando e colaborado com cerca de 210 entidades, e a EHF terá colocado em Estágio 269 alunos nas áreas de Cozinha/Pastelaria, Restaurante/Bar, Pastelaria/Padaria e Turismo e colaborado com cerca de 200 entidades nas áreas da Hotelaria e Restauração.

   Dando continuidade a uma tradição de há vários anos consecutivos, a EPO e a EHF vão ter várias dezenas dos seus alunos de 2º e 3º ano a realizarem os seus estágios curriculares em várias cidades europeias, apoiados pelo programa Erasmus +. Os alunos, para além das competências técnicas que irão aplicar e aprender, desenvolverão a autonomia pessoal, gestão do tempo, trabalho em equipa, gestão do orçamento individual. Receberão uma bolsa, proporcionada pelo programa Erasmus +, que financia este projeto, que lhes garante o alojamento, alimentação, transportes, e outras despesas inerentes à sua estadia no estrangeiro.

   A Formação em Contexto de Trabalho (FCT), denominada habitualmente por estágio, configura-se como uma importante componente do processo de formação académica e profissional, no qual o aluno se prepara para a sua futura inserção no mercado de trabalho, através da participação em situações reais de trabalho potenciando ainda a aproximação inicial à profissão e às funções que lhe estão inerentes.

   Fonte: Insignare
29-05-2018
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
De que matéria se faz esta cidade?
Jorge Mangorrinha
A Guida fugiu com um rapazola ou o pé da Luizinha Carneiro
Fleming de Oliveira
Peso das mochilas não provoca escoliose
Dr. Nuno Neves
Explosão tecnológica abre a porta à inteligência artificial
Joaquim Vitorino
Não se esforce em demasia: dores nos pés podem ser sinal de fasceíte plantar
Drª Fátima Carvalho
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o