Google
Mantenha-se actualizado.
Subscreva a nossa RSS
Twitter Tinta Fresca
Os espectadores de futebol devem poder regressar aos estádios?
Sim, com restrições
Não
Não sei / talvez
Edição Nº 132 Director: Mário Lopes Domingo, 30 de Outubro de 2011
Festival Internacional de Acordeão de Torres Vedras 2011
Jangada de Acordeões: projecto ibérico explora novos universos musicais
    


Jangada de Acordeões

Espanhóis e portugueses uniram-se para criar um projecto musical que renova as sonoridades do acordeão diatónico. Apresentam-se em estreia mundial no dia 4 de Novembro, às 21h30, no Teatro-Cine de Torres Vedras. “Jangada de Acordeões” será o 3.º concerto de Acordeões do Mundo – Festival Internacional de Acordeão de Torres Vedras 2011. O objectivo inicial seria a partilha de repertórios tradicionais de cada uma das regiões representadas, bem como de repertório popular de baile que se produziu na viragem do século XIX para o século XX, associado à implementação do acordeão diatónico na Península Ibérica.

   A designação “Jangada de Acordeões” é uma referência à obra de José Saramago “Jangada de Pedra”. Alegoricamente, a Península Ibérica desmembra-se do resto da Europa e navega à deriva pelo Atlântico em busca da sua identidade cultural.

   Considerando a diversidade linguística na península, a designação deste projecto artístico poderá assumir as diferentes línguas peninsulares: em Galego, “Xangada de Acordeões”; em Português “Jangada de Acordeões”; em Basco, Balsa Akordeoiak; em Castelhano, Balsa de Acordeones; em Catalão, Bassa Acordions…
A escolha do local de encontro a quatro, para a preparação artística, foi Urueña, uma pequena vila medieval muralhada perto de Tordesilhas, por ser a localização mais central para os quatro músicos. 

   Jangada de Acordeões faz a sua estreia em 2011 no Festival Internacional de Acordeão de Torres Vedras – Acordeões do Mundo. Um espectáculo a não perder!

Artur Fernandes (Águeda, Portugal)
Xuan Nel Expósito (Oviedo, Astúrias, Espanha)
Ignacio Alfayé (Saragoça, Aragão, Espanha)
Pedro Pascual (Santiago de Compostela, Galiza, Espanha)
   Todos os concertos de Acordeões do Mundo têm lugar no Teatro – Cine de Torres Vedras [39º 5’ 32.78’’N 9.º15’27.25’’O]; o preço do bilhete para cada concerto é de € 5 e o passe para os 6 concertos tem um custo de €20. Os bilhetes/passe para os concertos podem ser adquiridos na Bilheteira Online, nos Postos de Turismo de Torres Vedras e de Santa Cruz e no local, no dia do espectáculo.

   Próximas concertos de Acordeões do Mundo:
5 Novembro | 21h30 | Mairtin O’ Connor Band [Irlanda]
10 Novembro | 21h30 | Roland Becker and Regis Huiban [França]
11 Novembro | 21h30 | Concerto de Homenagem a Eugénia Lima

   A 8.ª Edição de Acordeões do Mundo é uma organização da Câmara Municipal de Torres Vedras, produção do Teatro-Cine de Torres Vedras, sob a direcção artística de Carlos Mota. Este festival tem como patrocinador principal o Arena Shopping; como Água Oficial a Água do Vimeiro; Hotel Oficial - Hotel Campo Real e conta com o apoio à divulgação do Turismo de Lisboa.

   Toda a Informação disponível e actualizada em www.acordeõesdomundo.com. 

   Fonte: Área de Comunicação da Câmara Municipal de Torres Vedras
30-10-2011
« Voltar

Comentários

Nome:*
Email:*
Comentário:*

* Obrigatório
Ao comentar aceita automaticamente a
política de utilização deste portal.
Para que o seu comentário seja válido deve preencher todos os campos acima indicados como obrigatórios. O email é usado apenas para efeitos de verificação e não será exibido com o comentário. Os comentários deste portal são moderados, pelo que são sujeitos a verificação antes de serem publicados. Não serão aceites comentários de carácter insultuoso, discriminatório, racista ou spam.
Pesquisar
Ed. Anteriores
Contactos
Newsletter
 
Cartas ao Director
Blogue Tinta Fresca
Blogues
Sítios Úteis
 
OPINIÃO
Os Municípios e o Orçamento de Estado 2012
António Lucas
Rejeitar o colapso de Portugal
João Paulo Costa
A política da terra queimada – o caso da venda do Estádio Municipal de Leiria
Micael Sousa
O que nós não temos mas podemos ser
António Honório
Matematim ou Latinática?
Luís Reis
A Reforma da Administração Local e o concelho de Alcobaça
Luís Félix Castelhano
A Escolha
Valdemar Rodrigues
 

Projecto Co-Financiado por  Promotor  Desenvolvimento
Acessibilidade [Alt + D seguido de ENTER] D  POS_Conhecimento
FEDER União Europeia
FEDER
Associa��o de Munic�pios do Oeste Makewise - Engenharia de Sistemas de Informa��o